quinta-feira, 27/07/2017

Resenhas de CD's

Resenha: “Rogério” (2016) – Supercombo

 Lançado exclusivamente no Spotify nessa sexta-feira (22) – ouça no player abaixo; “Rogério”, novo álbum da Supercombo chegou aqui na redação do Nação da Música há alguns dias. Não demorou para que esta resenha começasse...

Resenha: “Não Vai Mais Ter Tristeza Aqui” (2016) – Hateen

“Não Vai Mais Ter Tristeza Aqui” é o nome do sétimo disco de estúdio do Hateen, e o terceiro desde que a banda começou a trazer materiais totalmente em português. Desde “Procedimentos de Emergência”,...

Resenha: “Misadventures” (2016) – Pierce The Veil

O Pierce The Veil é uma daquelas bandas que possui uma identidade própria muito marcante. É difícil falar isso pra um grupo que está tão enraizado na cena do metalcore como o quarteto de...

Resenha: “California” (2016) – Blink-182

“California” teve todos os aspectos necessários pra criar um hype em torno de seu lançamento. É o primeiro disco do grupo desde 2011, quando o Blink-182 anunciou seu retorno com “Neighborhoods”. O registro também...

Resenha: “I Still Do” (2016) – Eric Clapton

Já na casa dos 70 anos, Eric Clapton trouxe de volta todo seu gingado e seu blues em "I Still Do", lembrando a todos o motivo de ser chamado de slowhand. Em uma mistura de gravações inéditas e covers...

Resenha: “Ciano” (2006) – Fresno

Muitas coisas se passam durante um espaço de 10 anos na vida de uma pessoa. O amadurecimento, crescimento e aprendizado com as situações da vida muda bastante a forma como se encara e interpreta...

Resenha: “The Getaway” (2016) – Red Hot Chili Peppers

Cinco anos após o controverso “I’m With You” (2011), os Red Hot Chili Peppers voltam ao mercado fonográfico aspirando um novo patamar musical com o lançamento do décimo primeiro álbum de estúdio da banda;...

Resenha: “The Home Inside My Head” (2016) – Real Friends

É interessante acompanhar o processo de crescimento de uma banda. Não só pela ótica do conhecimento popular ou aparições na mídia, mas pela forma como isso se materializa na maneira que esse artista aborda...

Resenha: “Praieiro” (2016) – Selvagens à Procura de Lei

Depois de transitar pelo indie romântico e o rock alternativo com viés político em “Aprendendo a Mentir”, de 2011, e no disco homônimo de 2013; os cearenses do Selvagens à Procura de Lei incorporam...

Resenha: “Sincerely, John the Ghost” (2016) – John the Ghost

John O'Callaghan nos apresentou um lado seu pouco conhecido: uma versão séria, solitária e até um pouco sombria de si mesmo. O líder do The Maine deu voz ao fantasma preso em seus pensamentos, o apelidou de...

Resenha: “Duas Cidades” (2016) – BaianaSystem

Em dezembro de 2015, Salvador recebeu oficialmente o título de “Cidade Música” pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco). Para reforçar a condecoração e para o desenrolar...

Resenha: “I like it when you sleep, for you are so beautiful yet so...

O The 1975 liberou este ano um álbum com um nome tão grande que quase não coube no título desta matéria. Nesta nova fase, o grupo assumiu uma nova identidade, trocando o preto e branco do disco de estréia...

Resenha: “Everything You’ve Come To Expect” (2016) – The Last Shadow Puppets

Oito anos pode parecer um longo tempo. E foi esse o tempo que separa o primeiro lançamento do The Last Shadow Puppets em 2008 e o seu sucessor "Everything You've Come To Expect" de 2016. Longos...

Resenha: “The Black” (2016) – Asking Alexandria

Mudanças na formação de uma banda são sempre complicadas, passando por um (muitas vezes longo) processo de adaptação do novo membro. Mas quando essa mudança acontece com o vocalista, as coisas ficam ainda mais...

Resenha: “Live and Acoustic at The Palace” (2016) – The Used

Os americanos do The Used começaram a carreira no início dos anos 2000, se tornando rapidamente a trilha-sonora de milhares de adolescentes que se apoiavam nas letras rebeldes e agressivas do grupo para enfrentar o drama que é...

Resenha: Phase (2016) – Jack Garratt

Sem dúvidas, Jack Garratt é um dos nomes para ficar de olho esse ano. Uma das maiores revelações britânicas, o cantor, compositor e multi-instrumentalista de apenas 24 anos surpreendeu com um estilo próprio e único através...
51,910FansGostar
1,602SeguidoresSeguir
14,890SeguidoresSeguir