Especial: The Voice USA (12) – Confira como foi a premiere

O The Voice está de volta! Nessa segunda-feira (27) nós pudemos dar boas-vindas para a 12ª temporada do nosso reality show musical favorito e também matar saudade dos nossos técnicos: Adam, Alicia, Blake e Gwen – que retornou para a sua cadeira nessa temporada. Preparados para ver o que rolou na premiere? Acompanhe aqui com a gente.

O programa começou com a audição do JChosen, de 29 anos. O professor trouxe uma performance com um tom de nostalgia enquanto cantava “Sexual Healing” do Marvin Gaye. O jovem fez uma boa apresentação – que o canal oficial do The Voice já tinha divulgado – com uma boa afinação que o rendeu 4 cadeiras viradas. Adam, Blake e Alicia pareceram mais animados com sua escolha em comparação com Gwen, mas adivinhem quem JChosen escolheu como técnico? Isso mesmo, Gwen!

Lauren Duski, de 25 anos, veio na sequência. A jovem que veio de uma família de dentistas e estava morando em Nashville para tentar seguir carreira na música country apresentou a música “You Were Meant for me”, de Jewel. A sua performance mostrou bastante vulnerabilidade e emoção e seu estilo que mistura pop, indie e country. Adam, Gwen e Blake viraram suas cadeiras e Lauren escolheu seguir no Team Blake.

Johnny Hayes, de 29 anos é mais um daqueles candidatos que estão tentando uma segunda chance no programa. Então em sua nova audição cantou a música “Try a Little Tenderness” do Otis Redding, em uma versão inspirada no primeiro encontro que teve com sua esposa. Johnny fez uma bela apresentação, cheia de estilo próprio e presença de palco, que renderam a ele duas cadeiras: Adam e Gwen. O candidato então resolveu seguir para o time do líder do Maroon 5.

Não é a primeira vez que Anatalia Villaranda, de 16 anos, participa de um reality show musical (a jovem já teve seu momento no American Idol). Cantando “Runaway Baby” do Bruno Mars, Anatalia mostrou muito potencial e confiança, mas também passou a impressão de estar tentando demais. Mesmo assim, conseguiu virar as 4 cadeiras e escolheu seguir com Alicia Keys.

Stephanie Rice, de 27 anos fez uma apresentação especial e tocante. Cantando a música “Piece by Piece” da Kelly Clarkson, a jovem conseguiu contar um pouco da sua própria história, ao ter sido rejeitada pelo pai por ser lésbica. Sua performance comovente conquistou o casal do The Voice Gwen e Blake e Stephanie escolheu seguir no Team Gwen.

Mark Isaiah, de 19 anos, não é um tipo de candidato pouco conhecido no The Voice. Todas as temporadas vemos algum como ele. Cantando “Mercy” do Shawn Mendes, o jovem fez uma apresentação mostrando carisma e uma bela afinação, mas nada de muito original. Mark virou as cadeiras de Adam e Gwen e escolheu seguir com Adam.

Brennley Brown é a primeira candidata do The Voice a aproveitar a nova regra do The Voice que baixou a idade limite para participar do programa, que era de 15 anos e agora é 13. Com 14 anos, a jovem cantou a música “Stupid Boy” do Keith Urban e mostrou que tem muito potencial e que com o técnico certo, pode ter um grande futuro. Alicia e Blake viraram suas cadeiras, mas Brennley escolheu ir para o Team Blake.

A última apresentação da noite ficou por conta da Felicia Temple, de 28 anos. A enfermeira de New Jersey já sobreviveu a um câncer e mostrou que é uma grande guerreira. Cantando “All I Could Do Is Cry” da Etta James e conquistou a todos nós com sua voz. Alicia, Gwen e Blake viraram suas cadeiras, mas logo soubemos que os dois últimos não tinham chances, quando a candidata revelou que costumava ser conhecida como “Felicia Keys” por cantar músicas da Alicia em shows de talento. Logo, Adam sugeriu que Alicia e Felicia fizessem um dueto no palco do The Voice e as duas cantaram “Fallin’”. Obviamente, ela escolheu seguir no Team Alicia.

O que vocês acharam da estreia da nova temporada do The Voice? Já tem algum candidato favorito?

Deixe seu comentário no final da página, marque aquele seu amigo que também curte o The Voice, e acompanhe a Nação da Música nas Redes Sociais: FacebookTwitterSpotify Instagram. Confira:

COMPARTILHAR
Andressa Oliveira
Andressa Oliveira: Metade campograndense, metade paulistana. Iniciou a sua faculdade de Jornalismo em 2012 e escreve para o Nação da Música desde então. Estuda música desde pequena, é obcecada por reality shows musicais e em descobrir artistas novos por meio dos seus covers. Odeia atender telefone, mas não vive sem seu celular. Apaixonada por seriados, livros e filmes da Disney.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!