Lollapalooza Brasil – Aquecimento: Duran Duran, Céu e Vintage Culture

Falta um pouco mais de um mês para o final de semana que vai agitar São Paulo. O Lollapalooza Brasil 2017 acontece nos dias 25 e 26 de março e trará mais uma vez uma lista de atrações interessantíssima e bastante diversificada. A Nação da Música toda semana está ajudando a saciar essa expectativa com o aquecimento que traz um resumão sobre cada artista e banda que estará no festival. Dessa vez, falaremos sobre a banda Duran Duran, a cantora Céu e o DJ Vintage Culture.

Os ingressos para o festival estão disponíveis e maiores informações você pode conferir clicando aqui. Você também pode conferir os especiais anteriores sobre o Lolla aqui.

Vintage Culture

O primeiro artista do aquecimento de hoje é um brasileiro, do Mato Grosso do Sul. Lukas Ruiz tem 23 anos de idade e começou a flertar com a música eletrônica por causa de CD de Hard Trance de um tio. Ele, que curtia muito as bandas com influências eletrônicas como New Order e Depeche Mode, deixou a cidade de Mundo Novo para ir estudar direito em Maringá, no Paraná, na qual ele pouco se dedicava pois focava mais suas produções musicais. Mesmo com equipamentos básicos e limitados, Lukas não desistiu e disponibilizou versões para os clássicos “Blue Monday” do New Order e “Another brick in the wall” de Pink Floyd no SoundCloud, que ganharam grande popularidade. A partir daí, o reconhecimento de seu trabalho gerou grande reconhecimento em listas de revistas consagradas do gênero e convites para a edição 2015 do Lolla Brasil, além da participação em festivais como Rock in Rio, Tomorrowland Brasil e Ultra Music Festival, em Miami.


Céu

A paulistana Maria do Céu Whitaker Poças já nasceu em berço artístico. Filha de maestro e compositor e de uma artista plástica, decidiu embarcar na carreira aos 15 anos e um dos seus primeiros trabalhos foi a participação em jingles publicitários. Com a maioridade, foi para Nova Iorque e trabalhou em diversos empregos e passou por muito aperto, até encontrar o músico Antonio Pinto, que depois descobriu ser um primo distante, e que apresentou a Beto Villares. Os dois, produtores e compositores de diversas trilhas sonoras de filmes nacionais, produziram o primeiro disco de Céu, que foi lançado em 2005 e alcançou grande popularidade com singles como “Lenda” e “Malemolência”. Em 2007, o álbum chegou aos Estados Unidos, com uma larga recepção e entrada em listas da Billboard, além de diversos países da Europa e Ásia. Desde então, Céu tem sido agraciada com diversos prêmios e reconhecida por diversas publicações. Seu último trabalho foi o aclamado álbum “Tropix” de 2016.


Duran Duran

Uma das bandas inglesas mais emblemáticas dos anos 80, o Duran Duran foi formado ainda na década de 70, em 1978 na cidade de Birmingham. O nome da banda refere-se ao Dr. Durand Durand, vilão do filme clássico “Barbarella” de 1968. Dos atuais integrantes, Nick Rhodes, John Taylor e Roger Taylor estavam na formação original e Simon Le Bon se juntou posteriormente, além de serem acompanhados do guitarrista Dom Brown. O Duran Duran foi pioneiro ao ser um dos primeiros artistas a ter clipes filmados por diretores profissionais utilizando câmeras de 35mm. Em 1984, o grupo foi o primeiro a trazer a tecnologia de vídeo em seus shows em arenas e estádios. Em quase 40 anos de carreira, eles lançaram 14 álbuns de estúdio e possuem em sua história vários recordes e também várias parcerias, incluindo Mark Ronson, Justin Timberlake e até o brasileiro Milton Nascimento.


Deixe seu comentário no final da página, marque aquele seu amigo que também curte o Duran Duran, a Céu e o Vintage Culture e acompanhe a Nação da Música nas Redes Sociais: Facebook, Twitter, Spotify e Instagram.

1. Duran Duran – “Come Undone”

2. Céu – “Malemolência”

3. Vintage Culture feat. Lazybear – “Hangover”

4. Duran Duran – “Hungry Like The Wolf”

5. Céu – “Perfume do Invisível”

6. Vintage Culture – “Slowing Down”

7. Duran Duran – “Ordinary World”

8. Céu – “Chegar em Mim”

9. Vintage Culture – “Hollywood”

COMPARTILHAR

Carioca, turismólogo, louco por música, tecnologia, viagens e metido a jornalista aqui na Nação da Música. Também um tanto maníaco por shows e festivais.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!