Na última segunda-feira (18) o Rolling Stones promoveu um evento digital através do Twitter. Os integrantes participaram de sessões de perguntas – as quais eram feitas a partir da hashtag #AskTheStones – e respostas. O evento foi idealizado para divulgar o relançamento do álbum da banda “Sticky Fingers”, original de 1971.

Conforme a Rolling Stones, o relançamento do álbum “Sticky Fingers” será feito em diversos formatos, desde CD’s simples até boxes personalizados. Além de faixas como “Brown Sugar”, a edição de luxo trará versões inéditas de “Bitch”, “Wild Horses”, “Dead Flowers” e “Can’t You Hear Me Knocking”. Já a versão super de luxo será acompanhada de “Get Yer Leeds Lungs Out!”, uma gravação de 13 músicas apresentadas em um show dos Rolling Stones em Leeds, na Inglaterra, em março de 1972. A edição ainda conta com um livro de 120 páginas com anotações e informações sobre as canções, fotografias, posteres e uma capa com zíper real. O novo disco “Sticky Fingers” chega às lojas no próximo dia 26.

Ainda, durante o evento no Twitter, os integrantes falaram sobre a vida e morte de B.B. King. “Ele participou de diversas apresentações daquela turnê [Madison Square Garden, em 1969]. A última vez em que tocamos juntos foi em um show de blues na Casa Branca. Ele teve uma grande carreira. É triste que não poderemos vê-lo ao vivo novamente”, disse Mick Jagger. O guitarrista Keith Richards ainda afirmou que King foi “um dos maiores”. “Ele era uma pessoa incrível, um verdadeiro cavalheiro, vamos sentir falta de B.B. King. Felizmente, ainda temos os discos dele. Até logo, B.B.”, finalizou o músico.

Aqui no Nação da Música nós separamos alguns tweets que comentaram a morte de B.B. King pelo mundo. Você pode conferir o compilado da repercussão da morte do músico em 12 tweets aqui.

Não deixe de curtir nossa página no Facebook, e acompanhar as novidades do The Rolling Stones na Nação da Música.

- PUBLICIDADE -