Conheça a banda de pop-punk Masked Intruder

masked-intruderMasked Intruder é uma banda de pop-punk de Madison,Wisconsin, nos Estado Unidos. Como o nome e a foto dão a entender, os caras estão sempre mascarados e não revelam suas identidades, mas são conhecidos pelas cores de cada máscara: Blue (vocalista e guitarrista), Green (guitarrista), Yellow – aka orange (baixista) e Red (baterista). Conheci o som deles quando listei algumas bandas que tocaram na Warped Tour 2016 (veja a parte I e a parte II).

A banda foi formada em 2010, e, em 2011, eles lançaram o primeiro registro fonográfico no formato EP, o “Demos”. No ano seguinte saiu o primeiro álbum também de forma independente, o autointitulado, que, em 2013, foi relançado pela Fat Wreck Chords. Entre 2012 e 2013 eles lançaram mais dois EPs, são eles: “First Offence” (2012, Hang Up Records) e “Under the Mistletoe”, vinil 7″ (2013, Fat Wreck Chords e Red Scare Industries). Além disso, participaram de três splits: “Masked Intruder/The Turkletons” (2012, Hang Up Records), The Wedding”, vinil 7″ (2013, Solidarity Recordings) e “Red Scare Across America” (2013, Red Scare Industries), com Elway e Sam Russo.

Depois de uma séries de EPs, em 2014 o sucessor do “Masked Intruder” finalmente foi lançado. Intitulado “M.I.”, o álbum foi lançado via Fat Wreck Chords. Em abril de 2016, os caras assinaram com a Pure Noise Records (State Champs, Seaway, The Story So Far, Four Year Strong, Handguns, Like Pacific e outras), e lançaram, em junho do mesmo ano, o EP “Love And Other Crimes”, com 6 faixas inéditas.

Videoclipes: I Dont Wanna Be Alone Tonight (2013), Crime Spree (2014) e Beyond a Shadow of A Doubt (2016).

Redes sociais: Facebook e Twitter.

Não deixe curtir nossa página no Facebook para acompanhar todas as novidades da Masked Intruder e da Nação da Música.

COMPARTILHAR
Bárbara Araujo
Bárbara Araujo: Carioca que tem São Paulo como casa desde 2009, estuda Jornalismo e escreve para a Nação da Música desde 2014. Passa mais tempo ouvindo música e assistindo a vídeos de shows do que qualquer outra coisa. Ainda compra CD, ama pop-punk, cachorros e é facilmente encontrada em shows.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!