maneva (2)Uma das grandes representantes do Reggae no Brasil, a banda Maneva planeja muitas novidades para esse ano. Após o lançamento de “#Somosomaneva” em novembro de 2015, o grupo se prepara agora para a gravação de mais um DVD, que promete muitas surpresas e participações especiais.

Na última quarta-feira (04), a Nação da Música bateu um papo bem legal com o Tales, que deu mais detalhes sobre a gravação, contou sobre os 11 anos de banda e ainda adiantou informações sobre um projeto secreto da banda. Se liga:

Perguntas e entrevista por Felipe Santana.

—————————————————————————————— Ouça a íntegra

—————————————————————————————— Leia a íntegra

Vocês já estão há mais de 10 anos na estrada e vocês já viram muita coisa. O que mais mudou no cenário do reggae desde que vocês começaram até hoje?

- PUBLICIDADE -

Eu acho que a cena ta se profissionalizando muito mais. Hoje a gente tem grandes bandas aí dentro do underground, dentro do reggae que estão fazendo um bom trabalho de vídeo, bom trabalho de som, tentando sempre conquistar um novo patamar, inclusive com grandes influências internacionais e etc. Tem alguns exemplos ai, Cidade Verde tá mandando muito, Mato Seco tá gravando um DVD, o Natiruts saiu agora com o “Reggae Brasil”, deu uma levantada em tudo isso dai. Eu acho que a profissionalização do reggae tá sendo buscada agora, é uma preocupação que não tinha anteriormente.

Vocês sempre tiveram uma forte ligação com a galera que curte e acompanha o som, deixando esse laço ainda mais forte em “#Somosomaneva”. Qual a resposta dos fãs com o novo disco e como vem sendo os shows de divulgação dele?

A gente sempre teve uma relação muito estreita com nosso fãs, acho que toda a base que a gente tem é justamente por causa deles, uma banda independente – foi independente ai durante 10 anos, a gente tá com 11 anos agora. Agora a gente tá com um parceiro que tá ajudando a gente também, a “Base 4”. Mas a gente foi independente 10 anos e a gente tem tudo graças a eles. E acho que esse disco ai foi justamente uma homenagem pra eles, a gente fez uma campanha no Instagram pra colocar fotos deles, o nome do disco é “Somos O Maneva” justamente pra simbolizar, pra gente colocar na prática todo o amor e todo o carinho que a gente tem pelos nossos fãs. E a gente acabou fazendo essa promoção no Instagram, acabou rolando de colocar… Não conseguimos colocar todas, até por causa de resolução, fundo e etc., mas o que vale a intenção, a gente colocou bastante foto, acho que foram umas 2 mil fotos, alguma coisa do tipo.

E sobre essa nova parceria, como foi a transição de ser uma banda independente para possuir um contrato?

- PUBLICIDADE -

Por enquanto a gente não sentiu muita diferença porque na realidade o escritório entra mais como um parceiro, não é muito como um selo nem nada. Agente tem toda a liberdade artística – permanece com a liberdade artística, permanece com todas as decisões relacionadas a arte – e eles vêm mais pra somar no business mesmo, no negócio. E era uma conta que as vezes tava faltando, um conhecimento com mais contratantes, a rádio, tentar chegar no main né? Eu acho que é o objetivo da banda.

E falando um pouquinho de shows, vocês estão se preparando para a gravação de mais um DVD né?

Isso, dia 12 de outubro a gente vai gravar nosso novo DVD, lá no Espaço das Américas. A gente vai contar com algumas participações que a gente vai divulgar ao longo da campanha desse DVD. A gente vai lançar mais três inéditas nesse DVD também, e a gente quer se consolidar como uma banda do cenário mesmo, fazer um bom DVD, fazer um bom trabalho – fazer um bom trabalho musical, fazer um bom trabalho de imagem. Acho que justamente como a gente falou anteriormente, pra profissionalizar, pra mostrar que o reggae tá forte, que o reggae tá unido, e o reggae tá organizado. Acho que é o grande trunfo que a gente busca nesse DVD aí. E também buscar novas sonoridades, novas vertentes. Tá bem legal, a gente já começou a produzir as novas faixas, já estamos fazendo algumas releituras de algumas músicas então podem esperar bastante surpresa aí que vai ser bem legal.

E além das músicas novas, vocês já começaram a pensar na setlist pro show?

Já, a gente inclusive já está com o setlist pronto e a gente vai fazer bem essa mescla ai, a gente vai buscar música de todos esse anos de trabalho, anos de carreira, e a gente vai pegar e fazer algumas releituras, fazer alguns pout pourris e colocar mais essa três inéditas. A gente já tá com o playlist pronto, a gente tá pensando ainda nas participações, mas ainda não estão muito definidas as participações – que música entra, que música não entra, que música vai ter, que música não vai ter. Mas o playlist já tem e a gente já tá produzindo, podem esperar que vem coisa muito boa por aí.

- PUBLICIDADE -

————————————————————————————————————————————————————————————
> Leia também nossas entrevistas com Ponto de Equilíbrio, Emicida e outros, aqui.
————————————————————————————————————————————————————————————

E você pode adiantar alguma dessas participações, que vocês estão negociando?

Não, por enquanto não. Só na campanha mesmo. A gente combinou de fazer no dia 12 de outubro – que é uma quarta-feira – pra ficar mais fácil do pessoal vir. A gente ia gravar no sábado mas acabou optando por fazer na quarta-feira, que é um feriado, justamente por esse lance de agenda. Mas conforme a gente for divulgando o DVD a gente vai divulgar as participações também.

E qual a previsão de lançamento do DVD, quando vamos poder assistir ao show?

Acredito que em dezembro. Dezembro desse ano pra começar o verão com o pé direito, começar o ano com trabalho novo e com o pé direito.

Vocês tão completando 11 anos de banda, chegaram a 1 milhão de likes na page do Facebook, o clipe de “O Destino Não Quis” também passou de 1 milhão de reproduções, agora preparam um DVD. Como tá sendo esse momento para o Maneva?

A gente brinda isso, a gente entende isso como um crescimento, uma união mais forte com os nossos fãs – a nossa base de fãs ainda vai crescendo. A gente vê que o pessoal faz questão de compartilhar, a gente ouve muitas coisas que fazem a gente acreditar que tá no caminho certo. E esses números não querem dizer tudo, mas diz muita coisa, com isso a gente tá no caminho certo, tá tocando a alma e tá tocando o coração das pessoas.

Quais os planos para o futuro da banda, após o lançamento do DVD, quais serão os próximos passos do Maneva – mais álbuns, mais shows – o que podemos esperar?

A gente tá com outro plano aí mas também é surpresa, é uma coisa meio mirabolante que a gente queria ter lançado agora, só que a gente fez um esquema aí e falou: “Não, é melhor ir com o DVD agora do que o que a gente ia lançar”. Mas a gente já ta com uma planta, uma playlist toda nova, que a gente vai fazer um trabalho bem legal. Não vai ser nem em formato de disco, nem de EP, a gente vai tentar um novo formato, vamo ver se dá certo durante o caminho. Não vou prometer porque as vezes durante a produção a coisa embola e a gente acaba tendo que lançar um disco, mas a gente vai tentar lançar um formato diferente.

E para encerrar, alguma mensagem para os fãs que foram ou ainda vão aos shows?

Quero agradecer a cada um dos fãs, a cada uma das pessoas que compartilham, cada uma das pessoas que ouvem. Agradecer vocês pelo espaço, o nosso muito obrigado ai, por dar espaço pro Maneva, pra gente poder conversar, pra gente poder expor nossas ideias. E agradecer a todos, que a gente possa sempre estar de alma e coração aí, que a gente possa ter essa sintonia, sempre comungar a boa música, sempre comungar as boas ações, e espero que além da música a gente se torne – com os nossos fãs – verdadeiros amigos, irmãos, e que a música nos una sempre.

Não deixe de curtir a nossa página no Facebook, e acompanhar as novidades do Maneva e da Nação da Música.