Conheça o som da Molly Payton

Molly Payton
Divulgação
- PUBLICIDADE -
Bruno Martini

Uma nova cena londrina de rock grunge ganhou grande destaque em 2020 e, junto de beabadobee, Molly Payton é mais um nome para dar play.

- PUBLICIDADE -
Bruno Martini

A artista é natural da Nova Zelândia e mudou para Londres junto com sua mãe, apenas para passar um breve período. Foi ali que ela conheceu Beatrice e Oscar Lang, duas das principais revelações de 2020. Depois disso, Londres virou casa e a carreira musical começou a deslanchar.

- PUBLICIDADE -
YouTube video

O primeiro EP, intitulado “Mess” e disponibilizado em 2020, traz 5 faixas autorais e coprodução de Oscar. A voz de Molly tem fortes semelhanças a Florence Welch, enquanto o disco mescla elementos do folk e grunge em letra melódicas.

- PUBLICIDADE -
YouTube video

Aproveitando o boom da estreia, Payton disponibilizou logo na sequência uma série de singles, que agora fazem parte do segundo EP, “Porcupine”. Ainda na mesma essência do primeiro trabalho, aqui Molly abusa um pouco mais da bateria para animar as músicas.

- PUBLICIDADE -

Redes sociais: Facebook, Spotify, Youtube.

Muito obrigado pela sua visita e por ler essa matéria! Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça que também curtam Molly Payton, e acompanhe a Nação da Música através do Twitter, Google Notícias, Instagram, YouTube, Facebook e Spotify. Você também pode receber nossas atualizações diárias através do email - cadastre-se. Caso encontre algum erro de digitação ou informação, por favor nos avise clicando aqui.

Torcemos para que tudo esteja bem com você e toda a sua família. Não se esqueça de lavar bem as mãos e se possível #FicaEmCasa, mas se precisar sair não se esqueça de usar a máscara! Cuide-se.

- PUBLICIDADE -


Caso este player não carregue, por favor, tente acessa-lo clicando aqui.

 

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
Juliana Izaias
Prefere ser chamada de Ju. Jornalista, apaixonada por música, festivais, seriados, gatos e Arctic Monkeys.