Trilha Sonora: 42 músicas presentes na série “Bridgerton”

Bridgerton
Foto: Divulgação Netflix
- PUBLICIDADE -
Siga @nacaodamusica no Twitter
- PUBLICIDADE -
Siga @nacaodamusica no Twitter

No dia 25 de dezembro, a Netflix lançou a série original “Bridgerton”. Com pouco mais de uma semana, ela já virou um fenômeno e alcançou a liderança do ranking da plataforma

A série é baseada no livro de Julia Quinn e é mais uma obra da produtora Shonda Rhimes, que trabalhou em “Grey’s Anatomy e “How to Get Away With Murder”. Ela conta a história de oito irmãos da alta sociedade de Londres, focando inicialmente na busca de Daphne por um casamento e como isso afeta as pessoas em sua volta. Ao todo são oito episódios, que misturam romance e drama.

- PUBLICIDADE -

O elenco conta com Adjoa Andoh, Julie Andrews, Lorraine Ashbourne, Jonathan Bailey, Ruby Perker, Sabrina Bartlett, Harriet Cains, dentre outros. A criação é de Chris Van Dusen.

Já a trilha sonora possui, ao todo, 42 músicas. Dentre elas, há faixas originalmente feitas para “Bridgerton”, que foram compostas por Kris Bowers – músico que trabalhou em “Dear White People” (“Cara Gente Branca”). Além disso, há músicas clássicas, por se tratar de uma produção de época, e também versões instrumentais de canções atuais interpretadas pelo grupo Violin String Quartet.

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Abaixo, separamos alguns dos destaques que aparecem durante a série. Ao final da publicação, você pode ouvir a playlist com todas as faixas.

No primeiro episódio, chamado “Diamante Raro”, a canção que toca quando Daphne é apresentada à rainha é “Flawless My Dear”, de Kris Bowers.

- PUBLICIDADE -

Ainda neste episódio, quando Daphne entra para dançar, toca o cover de “thank u, next”, da Ariana Grande, interpretado por Violin String Quartet.

Em “Choque e Deleite”, o segundo episódio, quando a notícia sobre o caso de Nigel se espalha na cidade, toca “What Women do Best”, do Kris Bowers.

No terceiro episódio, chamado “A arte de desfalecer”, tem um outro cover muito interessante. Novamente interpretado pelo grupo Violin String Quartet, “bad guy”, da Billie Eillish, toca na primeira dança do baile.

- PUBLICIDADE -

Já no fim do quinto episódio, chamado “O duque e eu”, quando Daphne e Simon dormem juntos pela primeira vez, toca “Strange”, uma parceria de Bowers com Hillary Smith.

E ao final do último episódio, “Depois da Tempestade”, a música final é “A Grand Finish”, de Kris Bowers.

- PUBLICIDADE -

Se quiser ver outros textos com trilhas sonoras de filmes e séries na Nação da Música, clique aqui. Ouça a playlist completa com as músicas de “Bridgerton” e assista ao trailer da produção.

Muito obrigado pela sua visita e por ler essa matéria! Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça que também curtam Bridgerton, e acompanhe a Nação da Música através do Twitter, Google Notícias, Instagram, YouTube, Facebook e Spotify. Você também pode receber nossas atualizações diárias através do email - cadastre-se. Caso encontre algum erro de digitação ou informação, por favor nos avise clicando aqui.

Torcemos para que tudo esteja bem com você e toda a sua família. Não se esqueça de lavar bem as mãos e se possível #FicaEmCasa, mas se precisar sair não se esqueça de usar a máscara! Cuide-se.

- PUBLICIDADE -