Sete meses após o falecimento de Chester Bennington, mais conhecido como vocalista do Linkin Park, sua esposa Talinda falou sobre a luta contra depressão. O cantor se suicidou em julho de 2017, aos 41 anos.

“Meu marido teve um passado… no passado, ele tentou se suicidar, mas eu pensei comigo mesma ‘Foi porque ele estava bêbado. Ele estava isso ou aquilo’. Então [antes] dele morrer, eu pensei inocentemente que estávamos tranquilos.” disse Talinda Bennington, que se pronunciou no Canadian Event Safety Summit, evento que fala sobre saúde mental.

Em seu depoimento, Talinda citou Chris Cornell, que faleceu poucos meses antes de Chester: “Nós tivemos um grande, grande amigo, Chris Cornell, que tirou sua própria vida. E eu sinto isto, ‘Tudo bem, Chester vê o que Vick [mulher de Chris] e seus filhos — nós somos seus padrinhos — estão passando e isto nunca irá acontecer’.”

Recentemente, Mike Shinoda falou sobre o futuro do Linkin Park. Segundo o músico, a pretensão de continuar com a banda existe, mas algumas coisas ainda precisam ser resolvidas.

Deixe seu comentário no final da página, marque aquele seu amigo que também curte Chester Bennington, Linkin Park, e acompanhe a Nação da Música nas Redes Sociais: Facebook, Twitter, Spotify e Instagram.