Kanye West dá declaração polêmica sobre escravidão

kanye.west

Nas últimas semanas, Kanye West não tem poupado a língua quando se trata de temas polêmicos. Depois de apoiar o controverso presidente dos EUA, Donald Trump, o rapper deu entrevista ao site TMZ nesta terça (01) e falou sobre diversos assuntos, como vício, saúde mental e escravidão.

O comentário que gerou maior repercussão na internet após a publicação da conversa foi o do músico falando que escravidão era uma escolha. “Quando você ouve sobre escravidão por 400 anos, 400 anos?! Isso soa como uma opção (…) Estamos numa prisão mental”, declarou. Kanye também falou que além de ser um representante da comunidade negra, ele também representa o mundo.

- ANUNCIE AQUI -

O jornalista do TMZ, Van Lathan, confrontou o rapper no estúdio, durante a entrevista, após a fala polêmica: “Enquanto você está fazendo música e sendo um artista e vivendo a vida que você ganhou por ser um gênio, o restante de nós na sociedade tem que lidar com essas ameaças nas nossas vidas. Nós temos que lidar com a marginalização que vem de 400 anos de escravidão que você disse para nosso povo que foi uma escolha. Francamente, estou decepcionado, estou chocado e, irmão, estou inacreditavelmente magoado pelo fato que você se transformou em algo, para mim, que não é real”.

Mais tarde, em sua conta pessoal no Twitter, West refutou as críticas que surgiram com a veiculação da matéria: “(…) para me esclarecer… claro que eu sei que escravos não se algemaram e entraram nos barcos por livre arbítrio”. Em outro tweet, ele continua: “Eles cortaram nossas línguas para que não possamos nos comunicar uns com os outros. Eu não permitirei que minha língua seja cortada… eles enforcam os mais poderosos para forçar o medo nos outros… eles não podem mais calar a nossa voz”.

- ANUNCIE AQUI -

Muito obrigado pela sua visita e por ler essa matéria! Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça que também curtam Kanye West, e acompanhe a Nação da Música através do Google Notícias, Instagram, Twitter, YouTube, e Spotify. Você também pode receber nossas atualizações diárias através do email - cadastre-se. Caso encontre algum erro de digitação ou informação, por favor nos avise clicando aqui.

Confira o vídeo da entrevista abaixo:

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

Marina Moia
Marina Moia
Jornalista e apaixonada por música desde que se conhece por gente.