El CaminoNo último dia 11,  a Netflix liberou seu filme original chamado “El Camino: A Breaking Bad Movie”, este sucessor da aclamada série “Breaking Bad”, encerrada em 2013. As duas produções foram escritas e dirigidas por Vince Gilligan, também envolvido nas produções.

O elenco conta com o retorno de diversos nomes já conhecidos, entre eles Aaron Paul (“The Path” e “BoJack Horseman”), Jesse Lon Plemons (“Black Mirror” e “Fargo”), Krysten Alyce Ritter (“Jessica Jones” e “Gilmore Girls”), Charles Edward Baker (“The Blacklist” e “Neon Demon”), Matthew Lee Jones (“Mom” e “Bob Hearts Abishola”), Bryan Lee Cranston (“Malcom In The Middle” e “Seinfeld”), Robert Wallace Forster Jr (“Jackie Brown” e “Twin Peaks”), Jonathan Ray Banks (“Better Call Saul” e “Wiseguy”), entre outros.

A trama se passa logo após os eventos de “Breaking Bad”, focando na conclusão do arco de Jessie Pinkman (Paul), ex-parceiro de Walter White (Cranston) na produção de metanfetamina. Com isso, ele precisa passar por cima de algumas situações vividas e sombras de seu passado para, assim, seguir com o sentimento de esperança de ter um futuro melhor em sua vida.

Para criar esta montanha russa de emoções com as temáticas propostas pelo filme, a trilha sonora se mostra muito importante. Sendo assim, confira 4 canções presentes.

“Call Me The Breeze” – Lynyrd Skynyrd

Escrita e performada originalmente por J.J Cale, foi regravada pela banda em 1974, aparecendo em seu segunda álbum de estúdio, chamado “Second Helping”.

- PUBLICIDADE -

A canção tem as três guitarras como carros chefes, executando diversos riffs e solos, acompanhadas de bateria evidente, trompas aceleradas e um baixo que da o peso ideal ao blues rock apresentado pelo grupo. Além disso, conta com o vocal forte de Ronnie Van Zant e uma parte especialmente reservado ao teclado, fechando o grupo instrumental.

Ela também aparece no disco ao vivo “One More From The Road”, lançado em 1976 pelos norte-americanos.


“Sharing the Night Together” – Dr. Hook

- PUBLICIDADE -

Foi escrita por Ava Aldridge e Eddie Struzick, sendo originalmente gravada por Lenny LeBlanc e, também, Arthur Alexander, em 1976. Dois anos depois, foi regravada pelo Dr. Hook para o oitavo álbum de estúdio da banda, chamado “Pleasure & Pain”.

Apresentando um soft rock evidente, com pitadas de western, conta com violão, guitarra marcante, baixo e teclado, misturados à voz melódica e calma de Ray Sawyer, que é agregada por um backing vocal afinado que incrementa a sonoridade da faixa.


“To Sir With Love” – Lulu

Gravada em 1967 pela cantora, veio para ser a música tema do filme “To Sir, with Love”, lançada neste mesmo ano. Foi escrita por Don Black e Mark London.

- PUBLICIDADE -

Movida pela voz afinada e melódica da cantora, a faixa se desdobra calmamente, com a forte presença de violinos, além de piano, baixo, guitarra e bateria, formando uma sonoridade em ritmo cadenciado e leve.

Devido ao seu sucesso, recebeu covers de artistas como Al Green, Melky Sedeck e The Jackson 5.


“A Little Bit Of Soap” – The Jarmels

Escrita por Bert Berns, foi lançada pelo grupo em 1961 como um single, contendo no verso a faixa “The Way You Look Tonight”.

Apresentando o tradicional estilo Doo-Wop, derivado do R&B, tendo sua característica marcante e presença de vocais múltiplos, apresenta também uma sonoridade dançante, levando à famosa mania de estalar os dedos durante a música.


Ainda não viu nada sobre o lançamento da continuação deste sucesso da Netflix e quer conhecer um pouco mais? Veja o trailer legendado logo no final da notícia!

Deixe seu comentário no final dessa publicação, marque seus amigos que também curtem El Camino: A Breaking Bad Movie, acompanhe a nossa agenda de shows e a Nação da Música através do Twitter, Facebook, Instagram e Spotify. Muito obrigado pela visita e por ler essa matéria!