Throwback: Atentado em show de Ariana Grande aconteceu há dois anos

- PUBLICIDADE -

Ariana Grande

blank
No dia 22 de maio de 2017, o mundo se abalava após um atentado que aconteceu, em Manchester, na Inglaterra, durante show da Ariana Grande

As explosões aconteceram do lado de fora da Arena, mas puderam ser ouvidas do lado de dentro e causaram, ao todo, mais de 20 mortes e mais de 50 feridos. A cantora não chegou a se machucar.

Pouco tempo depois, o Estado Islâmico assumiu a autoria do ataque feito por um homem-bomba no local.

O abalo pelo incidente foi muito grande, a artista fez uma carta aos fãs sobre o atentado e chegou a suspender sua turnê depois do ocorrido. Diversos famosos prestaram solidariedade na época, como Brian May, Paul McCartney, The 1975 e Celine Dion.

Em junho daquele ano, foi feito um show beneficente em prol das vítimas do ataque terrorista. Chamado de “One Love Manchester”, a apresentação contou com vários nomes da música como Black Eyed Peas, Mac Miller, Katy Perry, Justin Bieber, Coldplay e a própria Ariana, que estava visivelmente emocionada. A apresentação foi disponibilizada nas plataformas de streaming.

Como mostrou o E Online, pelo Instagram, a cantora também relembrou que o fato completou dois anos com uma postagem em seu Stories.

Muito obrigado pela sua visita e por ler essa matéria! Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça que também curtam Ariana Grande, e acompanhe a Nação da Música através do Twitter, YouTube, Facebook, Instagram e Spotify. Você também pode receber nossas atualizações diárias através do email - clique aqui e cadastre-se. Caso encontre algum erro de digitação ou informação, por favor nos avise clicando aqui.

Torcemos para que tudo esteja bem com você e toda a sua família. Não se esqueça de lavar bem as mãos e se possível #FicaEmCasa, mas se precisar sair não se esqueça de usar a máscara! Cuide-se.

Assista à performance da artista com a música “Somewhere Over The Rainbow”:

- PUBLICIDADE -