Chris Cornell: Peter Cornell faz declaração sobre morte do irmão

Foto: Divulgação / Jeff Lipsky

Depois da emocionante carta escrita pela esposa – viúva – de Chris Cornell, o irmão do cantor, Peter Cornell, escreveu uma declaração sobre a morte do músico através do seu perfil oficial no Facebook, como publicado nessa quarta-feira (31) pela Rolling Stone.

Leia a declaração de Peter Cornell:

“AMIGOS,

Tem sido difícil juntar as palavras. Meu coração está quebrado. Chris sempre foi meu irmão. Nós simplesmente “fomos”. Sem fingir. Sem ficar se mostrando. Não tínhamos que ir fundo o tempo todo em grandes papos. Às vezes, bastava estarmos na mesma sala e estar presente. Isso era suficiente.

Até esta semana eu não tinha percebido como ele pertencia ao mundo. Que ele era um ícone e uma lenda. Dito isso, eu sinto muito por VOCÊS e pela perda de vocês. Artistas, atores, músicos. Nós precisamos dessas pessoas pra nos alegrar. Pra nos inspirar e nos distrair em momentos difíceis. Chris nos protegia quando precisávamos dele. Sua bondade nos rodeava como uma armadura. Ele era um guerreiro e um mago. Um lobo uivante e um mentor confiável.

Meu irmão doava livremente suas habilidades e isso nunca foi uma luta. Ele se manteve fora da saturação da celebridade de uma forma tão humilde. O poder, a fúria e a paixão de meu irmão pela música sempre foi genuína, original e legítima. Ele era um cara poderoso, sensível, frágil, bravo, místico que existirá pra sempre no seu trabalho.

E ele fez isso por TODOS nós. Dando-o. Deixando no palco ou nos discos que o manterão imortal. Eu nunca vou me conformar com a morte dele. Estou em choque desde que ouvi a notícia. Eu não consigo e não vou deixá-lo ir.

Por favor, saibam, com toda a humildade que eu consigo buscar no meu coração pulverizado, EU AGRADEÇO CADA UM DE VOCÊS pela bondade e pelas condolências. OBRIGADO por me encontrar através de suas lágrimas.

Tenham seus irmãos por perto.

Muito amor!

Peter Cornell.

Junto à declaração, Peter colocou duas fotografias com Chris, dizendo: “A primeira e última vez que estávamos juntos“.

Chris Cornell participou das bandas Audioslave e Soundgarden, onde fez grandes amigos e incríveis músicas. O cantor faleceu aos 52 anos, no dia 17 de maio.

Deixe seu comentário no final da página, marque aquele seu amigo que também curte o Chris Cornell e acompanhe a Nação da Música nas Redes Sociais: Facebook, Twitter, Spotify e Instagram

VIARolling Stone
COMPARTILHAR

DEIXE SEU COMENTÁRIO!