Entrevistamos Hotelo sobre o disco “Início, Meio e Fim”

Hotelo
Foto: Lana Pinho / Divulgação
- PUBLICIDADE -
Raízes da Mamma
- PUBLICIDADE -
Meu Funeral

Nesta quinta-feira (10), a banda Hotelo divulgou o álbum “Início, Meio e Fim”, que foi compartilhado com o público em formato de EPs desde novembro do ano passado e agora chega às plataformas de maneira completa. O grupo lançou também o videoclipe do single “Coladin” no mesmo dia.

- PUBLICIDADE -
Meu Funeral

A Nação da Música teve a oportunidade de conversar com a Hotelo sobre a trajetória deste trabalho, as participações de Vitor Kley e Di Ferrero e também sobre o videoclipe inédito de “Coladin”.

- PUBLICIDADE -

Entrevista por Marina Moia.

- PUBLICIDADE -

————————————- Leia a íntegra:
Obrigada por falarem com a Nação da Música! A banda Hotelo chega agora à conclusão do projeto “Início, Meio e Fim”, que começou lá em novembro de 2020. Como é para você chegar ao ponto final deste álbum como um todo? Quão importante foi a trajetória deste projeto para a banda?
Deco: Obrigada vocês pelo espaço! A gente agradece muito. Eu acho que esse é um álbum que é um sonho mesmo pra gente. São vários sonhos na realidade. Porque foi um álbum que a gente lançou um financiamento coletivo em 2019 e a galera comprou super a ideia, ajudou a gente a nutrir esse sonho, que foi gravar esse álbum com o Tó Brandileone. Aí veio a Sony Music que deixou esse sonho ainda maior, então eu acho que é um álbum muito importante para a nossa trajetória. Está sendo muito massa trabalhar com a Sony porque é uma potência mesmo, a qualidade do trampo fica muito maior. A gente que sempre foi independente, na raça, a gente consegue ver uma proporção muito maior da coisa. É isso. É um álbum com certeza, definitivamente, muito importante para a nossa carreira. Acho que talvez seja o nosso álbum mais maduro.

- PUBLICIDADE -

Como foi colaborar com os músicos Vitor Kley e Di Ferrero neste álbum?
Tiago: A colaboração com o Di Ferrero e com o Vitor Kley foi muito legal e muito enriquecedora para as músicas e pro disco. Foi muito natural também. O Di é um cara que a gente tinha como ídolo na infância, mas surgimos da mesma cena e ficamos muito, muito felizes quando ele topou o convite para cantar “Sorte” nessa versão que é mais lo-fi, como a gente gosta de falar. Ele também adorou a música, já veio aqui em casa, chegou cantando super feliz, a gente adorou.

O Vitor Kley, a curiosidade é que a música “Maior Que Nós” em que ele participa, ele compôs junto com a gente, então quando a gente percebeu que ela iria entrar para o álbum foi muito natural chamar ele pra fazer os vocais. Ele já conhecia, já adorava, estava super por dentro do som. A gente ficou muito, muito, muito feliz de ter esses dois artistas maravilhosos participando. E amigos né.

- PUBLICIDADE -

O videoclipe de “Coladin” tem a participação dos Vovôs TikTokers Nair Donadelli e Nelson Miolaro. Como surgiu a ideia de convidá-los e como foram as gravações do videoclipe?
Julinho: Os vovôs abrilhantaram demais esse clipe e a gente ficou muito feliz com a participação deles. A ideia surgiu porque no clipe de “Maior Que Nós”, a gente tinha usado um casal de jovens, que inclusive mandaram super bem também, e nesse a gente quis trazer um casal da melhor idade pra mostrar que o amor não tem idade. A gente quis mostrar isso de uma forma leve, pensamos em dois atores de fato, mas aí dando uma fuçada no TikTok nos deparamos com eles e vimos que não tinha ninguém melhor para fazer isso. Se eu não me engano, eles tem 70 anos de casados, então é uma história linda de amor. E pelo fato deles não serem atores profissionais, isso abrilhanta muito o projeto porque fica um lance bem real e bem verdadeiro. A ideia surgiu daí, vendo o TikTok, nos encontramos com eles, todo mundo gostou muito da ideia, e eles abrilhantaram o clipe demais. A gente ficou muito feliz com a participação.

Agora que este projeto chegou ao final, quais os próximos passos da Hotelo? Já estão planejando os próximos singles, EPs ou até mesmo álbum?
Deco: O nosso plano é obviamente fazer uma baita turnê gigantesca porque a gente está com muita saudades de fazer shows, mas é claro que a gente vai esperar o melhor momento pra isso, quando todo mundo estiver vacinado. Mas, paralelo, a gente já está se coçando aqui porque essa pandemia foi muito inspiradora no quesito composição então a gente ficou trancadinho aqui em casa, mas fazendo um monte de música aí a gente já está começando a produzir algumas coisas novas, um material bem legal também, bem massa. Acho que os próximos planos são esses. Fazer uma turnê assim que for permitido deste álbum “Início, Meio e Fim”, das músicas antigas, e quem sabe não começa a aparecer um projeto novo em breve aí.

- PUBLICIDADE -

Principalmente durante este momento tão difícil da pandemia e isolamento social, a Hotelo tem sido um acalento para os fãs por conta das músicas e videoclipes que são sempre tão alto astral e com mensagens positivas e de alegria. Para vocês, como é o outro lado? Como tem sido viver este período como banda?
Tiago: É, apesar de tudo, apesar da pandemia, esse lado negativo, a gente acha que é muito privilegiado porque a gente já morava junto, moramos na mesma casa então a gente pode se isolar aqui. Isso permitiu que a gente criasse um monte de coisa, de conteúdo, que a dinâmica de trabalho da banda ficasse mais efetiva. Ter esse feedback dos fãs, das pessoas que estão passando, como todo mundo, como a gente também, por um momento difícil, e saber que a gente leva alegria, uma distração, pra essas pessoas, é muito legal pra gente. Falando do lado negativo, acho que a gente está sentindo muita falta dos shows, a gente fez algumas lives e que deram um gostinho do que é tocar, mas a gente tem o nosso show, o nosso contato com o público, uma energia que a gente está sentindo muita falta e é uma coisa que não teve como suprir. Estamos de dedos cruzados para que tudo isso passe e a gente possa se encontrar com os fãs novamente.

Gostariam de mandar um recado aos leitores da Nação da Música?
Conrado: Galera da Nação da Música, o nosso recado final é ouçam o nosso álbum, foi feito com muito carinho! Divulguem para os seus amigos. É muito importante para a gente. E a gente quer que vocês vejam o clipe de “Coladin”!

- PUBLICIDADE -

Muito obrigado pela sua visita e por ler essa matéria! Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça que também curtam Hotelo, e acompanhe a Nação da Música através do Twitter, Google Notícias, Instagram, YouTube, Facebook e Spotify. Você também pode receber nossas atualizações diárias através do email - cadastre-se. Caso encontre algum erro de digitação ou informação, por favor nos avise clicando aqui.

Torcemos para que tudo esteja bem com você e toda a sua família. Não se esqueça de lavar bem as mãos e se possível #FicaEmCasa, mas se precisar sair não se esqueça de usar a máscara! Cuide-se.



Caso este player não carregue, por favor, tente acessa-lo clicando aqui. Se possível, siga nosso perfil no INSTAGRAM para acompanhar nossas novidades, clicando aqui.

- PUBLICIDADE -
Jornalista e apaixonada por música desde que se conhece por gente.