Laika Não Morreu! conta história da cadela Laika em videoclipe animado

A banda Laika Não Morreu! divulgou na manhã desta sexta-feira (11) o videoclipe da música que leva o nome do grupo, com exclusividade para a Nação da Música. A faixa faz parte do disco “Estado Plasma”.

O vídeo conta a história da cadela Laika, que foi enviada ao espaço no ano de 1957, a bordo do satélite Sputnik 2, pelos soviéticos. O animal faleceu no primeiro dia da missão, que deveria durar setes dias, graças à alta temperatura.

As ilustrações do clipe foram assinadas pelo britânico Nick Abadzis. Ao contrário do que aconteceu na realidade, no trabalho divulgado pela banda, Laika ganha um final feliz.

Gi Lira, vocalista de Laika Não Morreu!, conta: “Toda a história do experimento comove e causa reflexão. O fato de ter sido uma cadela, uma fêmea a ir ao espaço pela primeira vez, torna tudo ainda mais emblemático e, de certa forma, inspirador. Vale lembrar que Laika foi a escolhida, entre tantos outros cachorros, por ser a mais dócil, mas também por ser a mais forte e resistente. É impossível não ver similaridades entre essa história e os dias de hoje, onde muitas mulheres ainda sofrem com vulnerabilidade, desigualdade, abusos, e até morte, que são causadas, majoritariamente por relacionamentos abusivos. Onde nos vemos numa relação totalmente desequilibrada, de objetificação, posse e interesse”.

Você pode conferir o videoclipe completo no topo da página!

Deixe seu comentário no final dessa publicação, marque seus amigos que também curtem Laika Não Morreu!, acompanhe a nossa agenda de shows e a Nação da Música através do Twitter, Facebook, Instagram e Spotify. Muito obrigado pela visita e por ler essa matéria!