Malabaristas de Semáforo falam de cultura e política em disco de estreia

- PUBLICIDADE -
blank
foto: Laura Grisolia
@nacaodamusica

A banda Malabaristas de Semáforo lançou na última sexta-feira (20) o seu álbum de estreia, intitulado “Lado B”. Com cinco anos de estrada, o trio carioca apresenta um trabalho que busca ir na direção contrária da indústria da música.

Produzido por Celo Olivera, o disco conta com 10 faixas que abordam temáticas sociais, políticas e culturais. As influências sonoras, que incluem Joy Division, The Cure, Plebe Rude e Arctic Monkeys, permitem que a banda passeie por diversos estilos do rock, mas sem se prender a rótulos.

“O conceito do álbum foi explorar nossa diversidade sonora, a sinceridade de composições simples”, afirma o vocalista e baixista da banda, Cleber ST. “Alternando momentos de tensão e adrenalina com momentos de calmaria e alívio, numa simultânea busca por reflexão através de letras secas e diretas”, completa.

Além de Cleber, integram a Malabaristas de Semáforo o baterista Fabrício Cardozo e o guitarrista Pedro Grisolia. O primeiro registro da banda foi o EP “Malabas”, lançado em 2017 e que ganhou críticas positivas. O álbum de estreia dos cariocas, “Lado B” já está disponível nas plataformas digitais da banda.

Muito obrigado pela sua visita e por ler essa matéria! Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça que também curtam Malabaristas de Semáforo, e acompanhe a Nação da Música através do Twitter, Google Notícias, Instagram, YouTube, Facebook e Spotify. Você também pode receber nossas atualizações diárias através do email - cadastre-se. Caso encontre algum erro de digitação ou informação, por favor nos avise clicando aqui.

Torcemos para que tudo esteja bem com você e toda a sua família. Não se esqueça de lavar bem as mãos e se possível #FicaEmCasa, mas se precisar sair não se esqueça de usar a máscara! Cuide-se.

- PUBLICIDADE -