Throwback: A história do sucesso atemporal “My Girl” do The Temptations

- PUBLICIDADE -
The Temptations
Reprodução
@nacaodamusica

Nesta quinta-feira (11), véspera de Dia dos Namorados, inspirada pela lista 35 Músicas românticas que falam de amor, a coluna Throwback contará a história de uma das mais belas canções já criadas: “My Girl”, do grupo The Temptations.

Durante as décadas de 60 e 70, grande parte da trilha sonora dos Estados Unidos vinha da Motown Records, a fantástica fábrica de sucessos em ritmo de soul e funk de Berry Gordy Jr.. Além dos Jackson 5, Marvin Gaye, Diana Ross e Stevie Wonder, a gravadora apresentou ao mundo um dos melhores grupos vocais já ouvidos, o The Temptations, formado originalmente por Otis Williams, Melvin Franklin, David Ruffin, Eddie Kendricks e Paul Williams.

Muito usada em declarações de amor, casamentos e outros momentos românticos, “My Girl”, o maior sucesso do conjunto, não foi criada pensando exclusivamente na amada de alguém. Composta por Ronald White e Smokey Robinson (The Miracles), a música é uma espécie de resposta para a canção “My Guy”, imortalizada pela voz de Mary Wells e escrita por Smokey, inspirado por sua esposa, a cantora Claudette, também do The Miracles.

Apesar dos singles do The Temptations terem até então seus vocais principais alternados entre Eddie Kendricks e Paul Williams, a faixa foi pensada especialmente para a voz de David Ruffin, como contou Otis Williams, um dos membros da formação clássica do grupo: “O jeito como isso [a canção] aconteceu foi que nós havíamos nos apresentado recentemente na 20 Grand [uma boate] em Detroit, e Smokey Robinson, do The Miracles, viu David Ruffin cantar uma música do The Drifters [‘Under The Boardwalk’] e ficou surpreso com o desempenho dele como vocalista principal.”

Era 1964, e àquela altura, Smokey já estava acostumado a compor para o conjunto. O maior hit deles até então, “The Way You Do the Things You Do”, de 1963, havia sido escrito por ele e Bobby Rogers (The Miracles).

“David Ruffin, eu sabia, era como um gigante adormecido no grupo porque ele tinha essa – um tipo de voz suave e rouca. E tudo o que eu precisava era a música certa para a voz dele, senti que [se fizesse uma] teria um grande sucesso. Então, me sentei ao piano para escrever uma canção para a voz de David Ruffin. Eu queria fazer algo que ele pudesse cantar com potência, mas de forma melódica e doce”, explicou Robbinson para a NPR.

Os primeiros ensaios de “My Girl” foram realizados durante as paradas da turnê The Motortown Revue, uma sequência de apresentações dos artistas da Motown – e convidados como James Brown, Otis Redding, Aretha Franklin e Patti LaBelle – pelos Estados Unidos. Enquanto Ruffin dominava a canção, o restante dos Temptations criava os vocais de apoio.

Já no final de 1964, ao voltar para Detroit, Michigan, onde ficava a sede da gravadora, Otis Williams, Melvin Franklin, David Ruffin, Eddie Kendricks e Paul Williams gravaram “My Girl”.

Lançada em 21 de dezembro de 1964, a faixa chegou ao topo da Billboard Hot 100 e da Billboard Hot R&B Singles, se tornando assim o primeiro sucesso número #1 do The Temptations. Em 1965, a música foi classificada pela Billboard como o 10º maior hit do ano.

Há dois anos, em 2018, a gravação foi preservada pela Livraria do Congresso norte-americano no National Recording Registry (Registro Nacional de Gravações), por conta do seu valor cultural, histórico e artístico.

Do grupo The Mamas & The Papas, até Otis Redding, Al Green, Michael Jackson e os Rolling Stones, diversos artistas de todo o mundo já regravaram “My Girl”. No Brasil, ela fez parte do disco de estreia do cantor Tiago Iorc, “Let Yourself In” (2008); a versão do músico foi ainda tema do romance de um casal de personagens da novela Viver a Vida (2009), da TV Globo.

Muito obrigado pela sua visita e por ler essa matéria! Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça que também curtam The Temptations, e acompanhe a Nação da Música através do Twitter, Google Notícias, Instagram, YouTube, Facebook e Spotify. Você também pode receber nossas atualizações diárias através do email - cadastre-se. Caso encontre algum erro de digitação ou informação, por favor nos avise clicando aqui.

Torcemos para que tudo esteja bem com você e toda a sua família. Não se esqueça de lavar bem as mãos e se possível #FicaEmCasa, mas se precisar sair não se esqueça de usar a máscara! Cuide-se.

- PUBLICIDADE -