Daybreak
Na última quinta-feira (24), a Netflix liberou a primeira temporada de sua série original “Daybreak”, criada por Brad Peyton e Aron Eli Coleite. A produção é baseada na graphic novel de mesmo nome, escrita por Brian Ralph.

O elenco conta com nomes como Cody Kearsley (“Riverdale” e “Spiral”), Austin Crute (“Atlanta” e “Booksmart”), Colin Ford (“Jake and the Never Land Pirates” e “Supernatural”), Alyvia Alyn Lind (“Dolly Parton’s Coat of Many Colors” e “Walk Ride Rodeo”), Sophie Simnett (“Surviving Christmas with the Relatives” e “The Lodge”), Krysta Anne Rodriguez (“Quantico” e “Trial & Error”), Matthew Broderick (“Curtindo A Vida Adoidado” e “O Rei Leão (trilogia)”) e mais.

O enredo retrata uma Califórnia pós-apocalíptica, infestada de zumbis, contando a história de Josh (Ford), um adolescente que decide procurar sua namorada Sam (Simnett) pela cidade. Nesta caminhada, ele se depara com dois alunos do colégio local, Wesley (Crute) e Angelica (Lind). Desta maneira, eles se juntam para se desbravarem neste mundo alterado e abandonado.

Para criar um clima que mistura drama, comédia e diversas emoções, a trilha sonora se mostra muito importante. Sendo assim, confira 4 canções presentes durante os episódios.

“California Love” – 2PAC feat. Roger Troutman & Dr. Dre

Lançada em 1995 como um single, esta marcou o retorno do rapper às gravações logo após sair da cadeia e, também, seu ingresso na Death Row Records. Posteriormente, uma versão remixada apareceu em seu disco “All Eyez On Me”, de 1996.

- PUBLICIDADE -

Produzida por Dr. Dre, considerado mestre das batidas, a faixa tem samples agudos inundados a um beat com o estilo boom bap, característico das músicas de Pac. Esta conta com rimas fortes do artista, com seu flow característico com muito ritmo, falando sobre a sua saída da prisão e volta ao microfone. Além disso, Dre também tem seu espaço nos versos, com sua voz grossa e forte. Para finalizar a sonoridade, Troutman participa, principalmente, no refrão, junto de um backing vocal feminino que completa este casamento alinhado das vozes e melodias.

A música ganhou dois videoclipes oficiais. O primeiro, idealizado por Jada Pinkett Smith, traz um cenário apocalíptico, similar à série de filmes “Mad Max”. Este conta com os três músicos, além de Chris Tucker, Tony Cox e George Clinton. O segundo retrata os cantores em festas, na Califórnia, mostrando que tudo do primeiro clipe era um sonho de Tupac.

A canção aparece no primeiro e nono episódio da série.

Versão remix:

- PUBLICIDADE -


Versão original:

Videoclipe 1:

Videoclipe 2:

“Teenagers” – My Chemical Romance

- PUBLICIDADE -

Lançada em 2007, a canção veio para compor o terceiro álbum de estúdio da banda, intitulado “The Black Parade”.

Iniciando-se com o vocal melódico de Gerard junto de uma guitarra, a voz do cantor vai aumentando de tom (algo frequente na música), quando é, repentinamente, inundada pelos outros instrumentos, como bateria e baixo, levando para um refrão forte, cheio de alto astral. Além disso, o guitarrista Ray Toro presenteia os ouvintes com um solo de respeito, fechando a sonoridade com a entrega de uma mistura de punk rock, hardcore e emocore.

Esta ganhou um videoclipe oficial dirigido por Marc Webb, trazendo a mensagem de combate à violência, presente também na letra.

Ela aparece no terceiro episódio da série.


“Baba O’Riley” – The Who

Lançada em 1971, a faixa veio para compor o quinto álbum de estúdio da banda, intitulado “Who’s Next”. É considerado, por muitos, um dos maiores hits dos britânicos.

Esta contém uma sonoridade complexa, misturando instrumentos como órgão (produzindo som de marimba), violinos, guitarra, baixo, bateria e piano. A maior parte dos vocais fica por conta das vozes fortes e afinadas de Roger Daltrey, com participações de Pete Townshend.

Devido ao seu sucesso, a música figura na 349ª posição na lista das “500 Melhores Músicas de Todos Os Tempos”, feita pela Rolling Stone. Além disso, está presente em outra elaborada pelo Rock and Roll Hall of Fame, com o título “500 Canções Que Moldaram O Rock And Roll”. 

Muito presente na cultura pop, já apareceu em “CSI: NY”, “A Bug’s Life” , “American Beauty”, “That’s ’70s Show”, “The Peanuts Movie”, “Miami Vice”, Stranger Things”, entre várias outras produções.

Está presente no terceiro episódio da série.


“Free Spirit” – Khalid

Lançada neste ano, a música veio para compor álbum homônimo, o segundo de estúdio do norte-americano.

Com um ritmo bem tranquilo, passando calmaria ao ouvinte, a canção mistura instrumentos orgânicos misturados à sonoridades eletrônicos, com batidas e samples. A voz melódica e afinada de Khalid segue na canção casando perfeitamente com a melodia proposta, executando falsetes e certas mudanças de tom, acompanha de backing vocals criados em forma de eco.

Esta ganhou um clipe oficial em abril de 2019, misturando imagens do músico cantando calmamente e de outras pessoas em diversas situações, enfatizando a mensagem de “espírito livre”, alegria e sentimentos bons.


Ainda não viu nada sobre o lançamento da série e quer conhecer um pouco mais? Veja o trailer logo no final da notícia!

Deixe seu comentário no final dessa publicação, marque seus amigos que também curtem Daybreak, acompanhe a nossa agenda de shows e a Nação da Música através do Twitter, Facebook, Instagram e Spotify. Muito obrigado pela visita e por ler essa matéria!