Entrevista: Brokencyde – 11/01

A banda Brokencyde que está pronta para vir ao Brasil, respondeu nossas perguntas com exclusividade, com muito humor e respeito, entrevistamos o Mikl, confira:

- ANUNCIE AQUI -
@nacaodamusica

1. Como e quando começou a banda e de quem foi a idéia?

- ANUNCIE AQUI -

Brokencyde começou há pouco tempo numa galáxia muito muito distante! (risos) eu (mikl) e seven começamos o brokencyde em 2006 acho. Nossas namoradas tinham terminado conosco ao mesmo tempo e começamos a festejar. Decidimos começar um grupo e fazer músicas sobre isso e então gradualmente evoluiu nesse gênero engraçado e louco que gostamos de chamar de “crunkcore”.

- ANUNCIE AQUI -

2. Vocês, como outras bandas já fizeram vários shows. Qual foi o melhor e porque?

- ANUNCIE AQUI -

Nós fizemos muitos shows por todo o lado e até em partes diferentes do mundo. Mas o mais louco foi ano passado na warped tour em Detroit. Nós tínhamos que sair cedo aquele dia, por isso estávamos desapontados. Mas quando entramos no palco, aquele monte de pessoas e o jeito que interagiam conosco nos fizeram sentir tão amados e esse é o jeito que somos. É para os incríveis fãs J

3. O que a banda faz no tempo livre?

- ANUNCIE AQUI -

No nosso tempo livre todos nós fazemos coisas separadamente. Phat J tem sua família e bebê que ele cuida e eu fico jogando jogos ou em utah com minha namorada. Seven e ants só festejam e ficam selvagens haha mas nós também saímos e fazemos música!

4. Toda banda tem suas referências, nós queremos saber as bandas que vocês se inspiram e o que estão ouvindo atualmente.

- PUBLICIDADE -

Nós amamos todos os gêneros de música. Amamos arte e música é uma das partes mais bonitas da arte.

5. Rápidas: (mikl)

- ANUNCIE AQUI -

– um filme: avatar

– um sonho: Eu era um ninja ou algo lutando (risos) Acho que esse sonho foi porque fiquei jogando “dead 2” a noite toda noite passada haha

- ANUNCIE AQUI -

– um lugar: utah

– uma musicathis love “innerpartysystem”

- ANUNCIE AQUI -

– um show: I set my friends on fire e attack attack

– um vício: jogar videogames

- ANUNCIE AQUI -

6. Qual foi o momento mais embaraçoso no palco?

Foi quando ficou tudo preto e então quando as luzes vieram direto no meu olho e eu caí do palco! Não uma vez mas duas vezes! “Bons tempos” haha

- ANUNCIE AQUI -

7. O que sabe sobre o Brasil?

Tudo que sei é que nós vamos tocar aí em março e que fica na America do sul.

- ANUNCIE AQUI -

8. Músicas ou CD novos em breve?
Vamos lançar uma música de graça para todos os fans em breve e estamos no processo de gravação do CD novo, estamos animados para voltar pro Studio.

9. Qual sua opinião sobre download de músicas ilegalmente?
Todos já baixamos músicas ilecalmente e achamos que, estando lá e ser baixada é tudo que importa.

- PUBLICIDADE -

10. Gostaríamos de agradecer a vocês pela entrevista! Deixem uma mensagem para os fãs e para os leitores da nação da música.
Para todos os fans aí no Brasil, estamos muito animados para tocar aí! Amamos muito vocês e obrigada pelo apoio! Stay crunk!

A redação é comandada por Rafael Strabelli, Editor Chefe e Fundador da Nação da Música, que existe desde 2006. O site possuí mais de 20mil publicações entre notícias, shows, entrevistas, coberturas, resenhas, videoclipes e muito conteúdo exclusivo.