#VCnaNM: Como é ter 20 anos e ir ao show do One Direction

A estudante de Publicidade e Propaganda, Isabela Robles, escreveu um depoimento de “Como é ter 20 anos e ir ao show do One Direction” pra nossa equipe. Confira: “Acho que uma das coisas que mais me deixa feliz nesse mundo é ser eu mesma e rir da cara de todo mundo que se importa com o que as pessoas falam. Já fui muito paranoica porque eu achava que quanto mais “curtidas” nas minhas fotos melhor, mas de uns tempos pra cá resolvi me jogar em tudo o que eu amo e posso não ter o cabelo liso e perfeito mas tento ter carisma e acima de tudo levar as coisas com a maior leveza possível (recomendação médica).

- ANUNCIE AQUI -
@nacaodamusica

Foi por isso então que decidimos ir ao show do 1D, porque pra mim eles são sensacionais em tudo e a beleza do Harry é estonteante. Muitas pessoas quando souberam que íamos comentavam que suas primas/irmãs de 12 anos iam ao show e o que faríamos lá tendo 20 anos? E eu sempre acreditei que essa era a melhor parte, porque é ali que as coisas começam e a graça de ter 20 anos é ver as meninas de 12 que não tem preocupação na vida se divertindo e nos divertirmos o dobro porque podemos ser “sem noção” que ninguém vai ligar.

- ANUNCIE AQUI -

Leia mais textos escritos pela Isabela em seu blog “Como Parecer normal sem ser“: Aqui.

- ANUNCIE AQUI -

Éramos poucas sem os pais e podíamos dançar as músicas sem nos preocupar se estávamos sendo ridículas, dividirmos um adesivo de rosto porque temos esse pensamento de compartilhar as coisas, fingirmos ser blogueiras e pedirmos entrevistas, não sabermos o que quer dizer “directioner”, perguntarmos que música a banda de abertura canta, pensarmos em fazer um cartaz escrito “Harry I’m Pregnant” “Harry Marry Me?” e ouvirmos um “Que mundo vocês vivem? Eu não sou uma directioner mas eu sei todas as músicas!”

- ANUNCIE AQUI -

Por isso eu digo que temos 20 anos e fomos no show do One Direction, fiquei #chatiada porque não conheci o Harry de perto, mas rimos que nem loucas e cantamos sem parar!

Temos alma de Directioners.”

- ANUNCIE AQUI -

#VCnaNM representa as opiniões de alguns dos nossos leitores e convidados. Quer enviar seu depoimento pra gente? Entre em contato com a nossa equipe na página da Nação da Música no Facebook clicando aqui. Sua história pode virar uma publicação em nosso site!

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

- PUBLICIDADE -
A redação é comandada por Rafael Strabelli, Editor Chefe e Fundador da Nação da Música, que existe desde 2006. O site possuí mais de 20mil publicações entre notícias, shows, entrevistas, coberturas, resenhas, videoclipes e muito conteúdo exclusivo.