Bandas de A-Z: Especial Cássia Eller (Segunda Parte – Discografia)

O primeiro álbum de estúdio da cantora foi lançado em setembro de 1990, e leva o nome da própria artista. Na época, foi feita uma grande comparação entre Cássia Eller e Marisa Monte. Cássia afirmou que via semelhanças entre ela e Marisa em relação ao repertório, mas a revista Veja, por exemplo, disse que p álbum de Cássia Eller não ficava devendo nada em relação ao de Marisa Monte. Entre as cantoras Marisa Monte, Selma Reis e Zélia Duncan, foi Cássia que conseguiu um número de vendas mais expressivo, em torno de 60 mil cópias vendidas. O álbum contém 11 canções.

- PUBLICIDADE -

Em 1992, “O Marginal”, segundo álbum de Eller foi lançado, sendo este o menos vendido de toda a sua carreira. Em uma entrevista à MTV, Cássia teria dito que este álbum não foi feito em cima de preocupações comerciais. A vanguarda paulista teve grande influência sobre o álbum, tendo canções escritas por Itamar Assumpção e Arrigo Barnabé, e outras duas canções compostas por Jimi Hendrix, interpretada pela cantora e possui 12 canções.

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Cássia Eller lançou em 1994 outro álbum auto-intitulado. Com 13 canções, o álbum foi gravado no estúdio pessoal de Guto Graça Mello sem que a gravadora de Eller soubesse. A cantora decidiu fazer isso depois do lançamento e pouco reconhecimento de seus dois álbuns e pensava em pedir demissão da gravadora. A cantora gravou o disco após o nascimento de Chicão, seu primeiro filho. Após o álbum ser apresentado à gravadora, foi aceito e aprovado pela mesma. Foi o primeiro álbum a ultrapassar 100 mil cópias vendidas.

- PUBLICIDADE -

“Veneno Antimonotonia” é o terceiro álbum de estúdio da cantora brasileira e faz homenagem ao cantor e compositor brasileiro, Cazuza, com regravações de suas canções. Este álbum foi considerado o “auge da fase roqueira” da cantora. O álbum traz 14 canções.

“Com Você… Meu Mundo Ficaria Completo” foi lançado em 1999, e a ideia era gravar um disco mais calmo. O álbum foi produzido por Nando Reis e é considerado uma “obra-prima” de sua carreira, entrando assim para o time de grandes cantoras da MPB contemporânea. As canções “Gatas Extraordinárias”, de Caetano Veloso e “Palavras ao Vento” de Marisa Monte e Moraes Moreira, foram escritas especialmente para a cantora.

- PUBLICIDADE -

Após a morte da cantora em dezembro de 2001, foi lançado um álbum póstumo em 2002, “Dez de Dezembro”, com 11 faixas, sendo produzido por Nando Reis e mixado por Carlo Bartolini trazendo faixas inéditas da cantora.

- PUBLICIDADE -

Foram lançadas ainda cerca de 13 recompilações com músicas de Cássia Eller desde 1997 sendo a última em 2011, lançada por Nando Reis chamada “Relicário” que ainda possui músicas inéditas escritas pelo cantor para Eller, totalizando 14 faixas neste. Diversos álbuns foram lançados depois do falecimento de Cássia Eller incluindo músicas que ainda não haviam sido lançadas e regravações dos grandes sucessos da cantora brasileira.

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -