Após 20 anos de acusações e processos judiciais, finalmente Dave Grohl e Courtney Love fizeram as pazes. O ex-baterista do Nirvana e a viúva de Kurt Cobain se abraçaram no palco do Barclays Center, durante a cerimônia de nomeação do 29º Rock N’ Roll Hall of Fame, que aconteceu na noite desta quinta-feira (10), em Nova York.

O momento- certamente memorável para a história do Rock N’ Roll- aconteceu durante a homenagem ao Nirvana, da qual participaram, além dos membros vivos da banda, Grohl e Krist Novoselic, convidados como Joan Jett, Kim Gordon (Sonic Youth), St. Vincent e a jovem cantora Lorde, que fizeram as vezes de vocalista e apresentaram suas versões para as canções “Smells Like Teen Spirit”, “Aneurysm”, “Lithium” e “All Apologies”, respectivamente.

Eu tenho um grande discurso, mas não vou repeti-lo. Essas pessoas para as quais estou olhando são a minha família. Todos vocês. Irmão Michael, irmão Krist, vovó Wendy, senhor Grohl… David“, disse Love, antes de ir até o líder do Foo Fighters e abraça-lo. “Eu apenas gostaria que Kurt estivesse aqui para sentir isso, viver isso. 20 anos atrás talvez ele não se sentisse assim, mas hoje ele realmente teria gostado. Ele gostaria de ver Krist, e Dave, e Michael, e sua mãe irmã aqui, Quero oferecer isso para nossa filha Frances, que não está aqui porque está doente“, completou.

Após a cerimônia, Courtney trocou mensagens com Grohl e Novoselic- com quem também teve desentendimentos, quando o baixista e Dave pediram na justiça que fosse submetida a uma avaliação psicológica em 2002, durante disputa dos direitos autorais de músicas inéditas da banda- deixando claro que não há mais ressentimentos entre eles. Confira abaixo:

The mostmagicalpartoftheevening. ThankyouDave, loveyou. I knowthismadehimsmileuptherepic.twitter.com/1VPdVKAAbc

— Courtney Love Cobain (@Courtney) April 11, 2014

Além do Nirvana, outros destaques que também entraram para o Hall da Fama do Rock foram a banda Kiss e o cantor britânico Peter Gabriel, que cantou as músicas “Digging The Dirt”, “Washing Of The Water” e “In Your Eyes” e foi recebido por Chris Martin, vocalista do Coldplay, que leu para ele um trecho do gênesis, da bíblia.

Já a homenagem ao Kiss foi conduzida pelo vocalista Gene Simmmons e o guitarrista Tom Morello. “Há 40 anos decidimos criar uma banda que nunca havíamos visto no palco“, disse Gene Simmons, vocalista da banda, em seu discurso. “Esta nunca foi uma banda dos críticos, mas sim do povo! Eles influenciaram a todos, de Metallica a Lady Gaga“, falou Morello, sobre o legado do Kiss.

- PUBLICIDADE -

Confira abaixo o momento dos discursos em homenagem ao Nirvana: