Rage Against The Machine: baixista se desculpa pela banda ser a influência do Limp Bizkit

timcommerford (1)

- ANUNCIE AQUI -
@nacaodamusica

- ANUNCIE AQUI -
@nacaodamusica

Para quem não sabia, a banda de rap-rock Rage Against The Machine foi a influência essencial para o nascimento do Limp Bizkit. Repetidamente o Limp Bizkit, famoso pela faixa “Behind Blue Eyes”, executa a canção “Killing In The Name” em homenagem ao RATM. Contudo, a banda não se sente muito feliz com isso, conforme explicou o baixista Tim Commeford para a Rolling Stone, conforme publicado no NME, na terça-feira (29).

- ANUNCIE AQUI -

Tim Commeford chega a se desculpar por ter influenciado o nascimento do Limp Bizkit. “Eu peço desculpas pelo Limp Bizkit. De verdade. Eu me sinto mal por termos inspirado uma merda tão grande…”. Além disso, o baixista do Rage Agains The Machina afirma que sua banda é a única que importa e que, inclusive, o Limp Bizkit já se foi e “isso é maravilhoso. Só restou um, e é o Rage”.

- ANUNCIE AQUI -

Vale evidenciar que a entrevista de Commeford para a Rolling Stone foi para falar sobre a nova banda do baixista, Wakrat. Recentemente eles se apresentaram  no The Viper Room, uma casa noturna em West Hollywood.

- ANUNCIE AQUI -

Não deixe de curtir nossa página no Facebook, e acompanhar as novidades do Rage Against the Machine e da Nação da Música.

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

- ANUNCIE AQUI -
João Pietro: Jornalista, gaúcho e admirador da música em todas as suas vertentes. Apaixonado pela cultura e suas diversas formas de se manifestar, entende que ela é transformadora. Não dispensa um café forte, imagina que se sai bem no improviso e valoriza as relações interpessoais. Também gosta de tocar violão, admira o amor e busca ser otimista.