American Music Awards 2021: Saiba onde assistir a premiação

Olivia Rodrigo
Capa / Divulgação
- ANUNCIE AQUI -
@nacaodamusica

No próximo domingo (21), vai acontecer, nos Estados Unidos, uma das maiores premiações do mundo da música: o “American Music Awards 2021”.

- ANUNCIE AQUI -
@nacaodamusica

Com vitória de Taylor Swift para ‘Artista do Ano’ em 2020, esse ano o prêmio tem como concorrentes para a categoria principal: Taylor Swift, Ariana Grande, The Weeknd, BTS e Drake, como noticiamos aqui no Nação da Música no fim de outubro.

- ANUNCIE AQUI -

A premiação AMA’s, que passa aqui no Brasil às 22h, irá ser transmitida somente pelo canal TNT, como foi nos anos passados. A emissora também irá oferecer a cobertura do evento de prêmios através de seu aplicativo, o TNT GO.

- ANUNCIE AQUI -

Entre outros grandes artistas indicados a prêmios no AMA’s 2021 estão Olivia Rodrigo, Doja Cat, Lil Nas X e Cardi B, representando uma grande variedade de gêneros musicais e origens dentro da premiação. A apresentadora dos prêmios também será a rapper Cardi B, que segue Queen Latifah como as únicas rappers femininas a apresentarem o American Music Awards.

- ANUNCIE AQUI -

Muito obrigado pela sua visita e por ler essa matéria! Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça que também curtam American Music Awards 2021, e acompanhe a Nação da Música através do Twitter, Google Notícias, Instagram, YouTube, Facebook e Spotify. Você também pode receber nossas atualizações diárias através do email - cadastre-se. Caso encontre algum erro de digitação ou informação, por favor nos avise clicando aqui.

Torcemos para que tudo esteja bem com você e toda a sua família. Não se esqueça de lavar bem as mãos e se possível #FicaEmCasa, mas se precisar sair não se esqueça de usar a máscara! Cuide-se.

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

- ANUNCIE AQUI -
Estudante de jornalismo, não-binárie e apaixonade por música. Sempre aberte para ouvir qualquer gênero, artista ou década. O universo do pop, principalmente hyperpop, k-pop e synthpop, é onde eu vivo e sobrevivo.