Entrevista exclusiva: Jéf comenta sobre parceria com Lucas Silveira, planos para 2016 e mais

jef-jefferson-souza

Nascido no Rio Grande do Sul, Jéf lançou seu primeiro álbum de estúdio em 2014, passou pelo Breakout Brasil gravou mais um disco e nesse ano se prepara para fazer um show nos Estados Unidos. Recentemente a Nação da Música conversou com o cantor que comentou um pouco sobre sua participação no reality show, parceria com Lucas Silveira, carreira e muito mais.

Entrevista por: Andressa de Oliveira.

————————————————————— Leia na íntegra:

NM: Conta para a gente um pouco sobre a sua carreira antes do Breakout Brasil. Como foi que você começou a se dedicar a música?

Jéf: Comecei na música em 2002. Tive uma banda de rock por uns 10 anos, mas nunca gravamos. Em 2012, recebi um convite para compor uma música para um curta-metragem, produzido por alguns amigos. Entrei em estúdio “sem banda” e gravei com meu amigo Thiago Henrich. Gostei muito da experiência e do resultado, e resolvi gravar mais algumas músicas e colocar na internet. A repercussão foi ótima. Decidi lançar um disco com as músicas que eu vinha gravando, e em 2014 lancei o “Leve”. E comecei a tocar com esse projeto solo, já que minha banda havia acabado. Em setembro de 2014 rolou o Breakout e aí minha vida mudou completamente.

NM: E como foi poder participar do Reality Show? Como foram suas experiências?

Jéf: Foi sensacional. Ficar entre os finalistas de um concurso musical autoral já era incrível. Vencer então, sem palavras. Felicidade total. Conheci pessoas incríveis lá, amigos que vou levar pelo resto da vida. Amadureci como artista, como pessoa.

NM: Ano passado então você lançou o seu segundo disco, o “Interior”. Como foi o processo de composição dele?

Jéf: Como eu tinha recentemente lançado o “Leve” e não pude trabalhar muito em cima dele, conversando com o Lucas e com o pessoal da Sony, resolvemos regravar 5 músicas do primeiro e lançar 5 músicas inéditas. Músicas que eu já havia composto e já estavam nos planos para um próximo disco. A música “Rema e Acredita” surgiu durante o processo de gravação, com participação do Lucas na composição e na gravação.

NM: Quais são suas principais influências musicais?

Jéf: Ah, gosto de muita coisa. Los Hermanos, Beatles, Jorge Drexler, Glen Hansard, Angus Stone, Kodaline, e por aí vai.

NM: Você pode falar um pouco como trabalhar com o Lucas Silveira na produção do seu segundo disco?

Jéf: Foi ótimo. O Lucas é um gênio. Cara incrível, talentoso e tem um ótimo coração. Ele praticamente “entrou pra banda” durante o processo. Tocou vários instrumentos, e me deu muitos conselhos que vou levar pra vida.

NM: Você recentemente lançou a música “Rema e Acredita” em parceria com o Lucas. Como foi esse trabalho?

Jéf: Durante o processo de seleção do repertório pro disco, falei que gostaria que ele escrevesse uma música comigo, ele topou na hora. No primeiro dia começamos a trabalhar nela, primeiro a melodia, e depois cheguei com o pré-refrão e o refrão. Queríamos fazer uma música com alguma mensagem importante para quem fosse ouvir. Terminamos a letra no último dia de gravação e fiquei muito feliz com o resultado. 

Quando surgiu a ideia de fazer um clipe para música, era fundamental a presença dele, pela energia que a música transmite. Como sempre, topou na hora e o pessoal da Noize fez um trabalho genial, com uma linda fotografia captando o que gostariamos de transmitir.

NM: Há alguns dias você também divulgou que irá se apresentar no festival SXSW. Como você está se sentindo e como está se preparando para essa performance?

Jéf: Parece que não caiu a ficha ainda. Vai ser meu primeiro show fora do país. Estou muito feliz de onde a minha música tem me levado, será uma experiência fantástica.

NM: Quais serão os seus passos nesse ano de 2016?

Jéf: Temos alguns shows muito legais pra confirmar. Quero lançar mais alguns clipes do “Interior” e começar a planejar o terceiro disco, só com músicas inéditas. Tem outras surpresas pra rolar, mas a gente conta mais pra frente. =)

NM: E para finalizar, quer deixar alguma mensagem para a galera?

Jéf: Só agradecer, há quem escuta, gosta, acompanha e espalha minha música. Há quem dá carinho. Obrigado também pelo espaço. =)

Não deixe de curtir a nossa página no Facebook, e acompanhar as novidades do Jéf e da Nação da Música.

COMPARTILHAR
Andressa Oliveira

Metade campograndense, metade paulistana, jornalista e apaixonada por música. Escreve para o Nação da Música desde 2012, estuda música desde pequena, é obcecada por reality shows musicais, odeia atender telefone, mas não vive sem seu celular. Seriados, livros e comida também não podem faltar em sua vida.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!