Entrevistamos Noga Erez sobre novo disco “KIDS”

noga erez
Foto: Dudi Hasson
- ANUNCIE AQUI -
@nacaodamusica

A cantora, compositora e produtora de Tel-Aviv, Noga Erez, anunciou recentemente o lançamento de seu mais novo disco de estúdio, que leva o nome de “KIDS”. O trabalho será divulgado nas plataformas digitais no dia 26 de março.

- ANUNCIE AQUI -
@nacaodamusica

Entre as faixas do álbum, estão as já lançadas “You So Done”, “VIEWS”, “NO News on TV” e a mais recente delas, “End of the Road”. O disco “KIDS” será sucessor da estreia em “Off The Radar”, de 2017.

- ANUNCIE AQUI -

A Nação da Música conversou com Noga Erez sobre a ideia por trás do single “End of the Road”, os criativos videoclipes da carreira dela e também sobre o que podemos esperar do próximo disco “KIDS”.

- ANUNCIE AQUI -

Entrevista por Marina Moia.

- ANUNCIE AQUI -

——————- Leia a íntegra:
Primeiro de tudo, quero falar sobre o seu novo single “End of the Road”. Pode nos contar sobre a ideia por trás desta música e sobre o seu processo criativo?
Noga Erez: “End of the Road” é uma música sobre mortalidade e sobre como saber que a vida tem um fim pode colocar tudo em perspectiva. Não é uma ideia nova, apenas algo que ficou evidente para mim e meu parceiro musical ROUSSO nos últimos anos. Nós decidimos celebrar esse entendimento com a música “End of the Road”. Essa é a música que fizemos mais versões e que levou mais tempo para escrevermos e produzirmos, principalmente porque tinha o refrão logo no começo e ambos sentimos que ele era muito forte, então passamos muito tempo tentando encontrar um verso que combinasse com ele.

Os seus videoclipes são sempre muito criativos e inovadores e “End of the Road” não poderia ser diferente. Novamente você colaborou com o Indy Hait. Como foi trabalhar com ele em todos estes videoclipes? Como vocês surgem com as ideias?
Noga Erez: Nós decidimos que nossos vídeos desta vez seriam todos filmados em uma locação e serão daqueles que você pode descrever em apenas uma linha. Então, “o vídeo com o robô”, “o vídeo com as escadas”, etc. Quando você tem limitações assim, você precisa ser criativa. Nós trocamos ideias com o Indy até que encontramos a certa. Nunca foi muito fácil, mas o esforço sempre valeu a pena. Quando você passa mais tempo criando uma ideia ótima e simples, você não precisa gastar muito tempo e dinheiro para fazer um vídeo que fica na cabeça das pessoas por mais tempo.

- ANUNCIE AQUI -

“KIDS”, seu novo disco, será lançado no mês que vem. O que o público pode esperar das novas músicas e do álbum como um todo?
Noga Erez: Esperem um álbum que não tenta ser coeso. É muito diverso e para aqueles que se apaixonaram pelo nosso som em músicas como “Views” e “No News On TV”, esperem uma experiência mais pesada nos sons das outras faixas do disco.

O que foi diferente e/ou similar durante o processo de criação e gravação de “KIDS” e “Off The Radar”, seu disco de estreia?
Noga Erez: Não mudou muita coisa. O processo continuou o mesmo quando se trata de duas pessoas numa sala, eu e Rousso, fazendo música que vem de uma intimidade pura. O que aconteceu foi que perto do final do processo, nós começamos a sentir que nosso perspectiva estava ficando um pouco borrada, devido à quantidade de horas que passamos trabalhando nas músicas, então chamamos alguns amigos músicos para o processo e eles deram o toque final mágico pelo qual somos muito gratos.

- PUBLICIDADE -

Quais artistas e bandas você mais tem ouvido nos últimos meses? Tem alguém com quem você gostaria de colaborar no futuro?
Noga Erez: Slow Thai, Tyler The Creator, Little Simz, Kendrick Lamar, Foushee’, Nancy Sinatra e mais. Eu quero colaborar com Slow Thai, eu o amo, ele é muito corajoso e honesto e eu amo a música dele.

Você recebe muitas mensagens dos fãs brasileiros? Eles podem esperar shows no Brasil quando for seguro novamente?
Noga Erez: Sim! Os fãs brasileiros são os melhores, é sério. Quando eles entram em contato, é sempre com muito amor e eu sou muito grata por isso. Estou com planos para ir ao Brasil assim que for possível.

- ANUNCIE AQUI -

Gostaria de mandar um recado aos fãs brasileiros?
Noga Erez: O Brasil foi a minha primeira turnê em 2016, quando eu basicamente não era ninguém, e eu tive a oportunidade de cantar nos eventos dos jogos Olímpicos. Um promoter do Brasil arranjou uma turnê para mim depois. Foi uma experiência muito legal, eu realmente senti que estava na mesma vibe e me conectando com todo mundo, como se estivéssemos na mesma frequência. Mal posso esperar para voltar.

Muito obrigado pela sua visita e por ler essa matéria! Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça que também curtam Noga Erez, e acompanhe a Nação da Música através do Twitter, Google Notícias, Instagram, YouTube, Facebook e Spotify. Você também pode receber nossas atualizações diárias através do email - cadastre-se. Caso encontre algum erro de digitação ou informação, por favor nos avise clicando aqui.

Torcemos para que tudo esteja bem com você e sua família. Não se esqueça que a vacinação contra a COVID já está disponível em todo o Brasil. Aqueles que já receberam a 1ª e a 2ª dose, lembrem-se de tomar a dose complementar e mesmo após vacinação completa, é necessário seguir as medidas de cuidado necessárias para contermos o coronavírus. Cuide-se!

- ANUNCIE AQUI -

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

Jornalista e apaixonada por música desde que se conhece por gente.