Especial: The Voice USA (18) – As batalhas chegaram ao fim

- PUBLICIDADE -
The Voice
Foto: Youtube.
@nacaodamusica

Chegamos ao fim das batalhas no The Voice! Nessa segunda-feira vimos as últimas apresentações, e assim nos preparamos para a próxima fase: os knockouts, onde cada participante escolhe sua própria canção e batalha contra um integrante do mesmo time.

Team Nick: Arei Moon vs. Samuel Wilco

Nick deu a Arei e Samuel um hit dos anos 80, “Missing You”, de John Waite, e apostou fundo nos talentos. Apesar de não parecerem ótimos nos ensaios e o técnico insistir para que o falsete de ambos fosse melhorado, na apresentação ao vivo eles surpreenderam. É oficialmente um empate, portanto Nick teve que optar pessoalmente, e ele escolheu Arei. Samuel deixou o reality.

Team Kelly: Samantha Howell vs. Megan Danielle

Tecnicamente, nem Samantha nem Megan são cantoras country, mas Kelly acredita no poder de compositora de ambas para expressar toda a emoção que a canção pede. Com “Top of the World”, de Patty Griffin, as duas conseguem se destacar igualmente e tornam a decisão de Kelly mais difícil. Ela escolhe Megan para seguir, mas também salva Samantha, mantendo as duas em seu time.

Team Blake: Jon Mullins vs. Todd Tilghman

Blake escolhe seus dois participantes que não são cantores de country para cantar um clássico: “Ghost In This House”, de Shenandoah. Eles funcionam muito bem e é uma batalha difícil, já que tecnicamente eles são ótimos. Por fim, Blake escolhe seguir com Todd, e Nick aproveita a oportunidade para roubar Jon.

Team Legend: Brittney Allen vs. Zan Fiskum

Brittney e Zan são fantásticas à sua maneira e a harmonia entre elas é bonita de se ver. Para esta batalha, John escolheu “Closer To Fine”, de Indigo Girls. A apresentação ficou tão boa que Kelly e Nick lamentam não ter um roubo sobrando, então a pressão em Legend aumenta. Ele então decide ficar com Zan e mandar Brittney para casa.

Team Kelly: Sara Collins vs. Mandi Thomas

Com duas artistas bem diferentes, Kelly precisou encontrar um equilíbrio que fosse confortável para amabas e selecionou “My Baby Loves Me”, de Martina McBride. A performance foi boa e Kelly opta por seguir com a candidata mais consistente, seguindo com Mandi Thomas.

Team Legend: Thunderstorm Artis vs. Cedrice

John tomou a decisão de unir os dois candidatos mais fortes de seu time e dar a eles uma das canções mais difíceis de interpretar. Com “Stay”, de Rihanna, eles fazem a performance mais impressionante da noite, deixando os técnicos de boca aberta. Por fim, John decide seguir com Thunderstorm e Blake salva Cedric.

Muito obrigado pela sua visita e por ler essa matéria! Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça que também curtam The Voice, e acompanhe a Nação da Música através do Twitter, Google Notícias, Instagram, YouTube, Facebook e Spotify. Você também pode receber nossas atualizações diárias através do email - cadastre-se. Caso encontre algum erro de digitação ou informação, por favor nos avise clicando aqui.

Torcemos para que tudo esteja bem com você e toda a sua família. Não se esqueça de lavar bem as mãos e se possível #FicaEmCasa, mas se precisar sair não se esqueça de usar a máscara! Cuide-se.

- PUBLICIDADE -