Jão lota palco e leva público ao delírio no Lollapalooza

Jão
Foto: @RafaelStrabelli / @EspacodasAmericas.
- ANUNCIE AQUI -
@nacaodamusica

O cantor Jão subiu no Palco Onix neste sábado (26), levando o melhor de seu repertório e deixou os fãs extremamente felizes com sua apresentação.

- ANUNCIE AQUI -
@nacaodamusica

Logo no início, o artista contou a história de que, em 2017, ele estava no festival como um espectador. Na ocasião, ele foi ver The Weeknd, tentou se passar por um ator de novela para tentar ver mais de perto, mas não conseguiu e ficou no meio da multidão. Hoje, ele se emocionou lembrando disso e vendo que agora é ele que estava lotando o palco no Lollapalooza.

- ANUNCIE AQUI -

E não é figura de linguagem dizer que o palco estava lotado. Os fãs do cantor compareceram em massa e não decepcionaram, cantando todas as músicas, gritando, aplaudindo e interagindo ao máximo com o artista.

- ANUNCIE AQUI -

Quem não deixou a desejar também foi a parte visual. Desde o polvo montado no palco aos efeitos com fogos que explodiam nos momentos mais altos das músicas.

- ANUNCIE AQUI -

E o setlist, como o Jão adiantou para a Nação da Música durante a entrevista antes do show, foi uma boa mistura dos seus três discos, com seus principais hits.

Ele iniciou com “Santo”, emendou “Vou Morrer Sozinho”, “Clarão” e, na sequência, “Me Beija Com Raiva”, fazendo o público já quase perder a voz no início da apresentação.

- ANUNCIE AQUI -

Em sua versão de “O Tempo Não Para”, do Cazuza, pudemos ver um lado mais do rock do Jão e como sua voz funciona tão bem no ao vivo quanto no gravado, levando-a para os mais altos níveis.

Ainda sobre a parte visual, no meio do show, uma mesa de jantar foi montada em cima do palco e ficou lá durante duas músicas, “Imaturo” e “Coringa”. E o artista soube aproveitar bem o objeto, cantando de cima de mesa em determinados momentos.

- PUBLICIDADE -

Foi nessa hora também que as duas cantoras do backing vocal mostraram todo seu potencial e que não poderia deixar de ser mencionado. Numa versão impecável de “Say My Name”, elas mostraram a voz impressionante e foram aclamadas pelo público.

No final, Jão agradeceu aos fãs e encerrou com “Idiota”. Nesse momento, ele não se aguentou, desceu do palco e foi abraçado pelos fãs da grade, que representavam os milhares de admiradores que estavam acompanhando no Palco Onix. Preparamos uma playlist especial com todo o setlist do show aqui.

- ANUNCIE AQUI -

Cinco anos se passaram do dia em que Jão veio ao Lollapalooza como um espectador para hoje, quando lotou o palco e levou os fãs à loucura. Não é exagero dizer que é um dos maiores artistas brasileiros atualmente e sua apresentação no festival foi mais uma prova disso. O público ficou imensamente feliz em poder curtir seu ídolo e, nitidamente, o cantor estava transbordando alegria em cima do palco. O resultado não poderia ter sido melhor.

O Lollapalooza 2022 continua neste domingo com Martin Garrix, Alesso, Black Pumas, Kaytranada, Fresno, Rashid, Djonga, Gloria Groove, dentre outros.

- ANUNCIE AQUI -

A Nação da Música segue acompanhando o festival e você pode ver setlists, entrevistas e fotos do evento aqui no nosso site.

Texto: Henry Zatz

- ANUNCIE AQUI -

Muito obrigado pela sua visita e por ler essa matéria! Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça que também curtam Jão, e acompanhe a Nação da Música através do Twitter, Google Notícias, Instagram, YouTube, Facebook e Spotify. Você também pode receber nossas atualizações diárias através do email - cadastre-se. Caso encontre algum erro de digitação ou informação, por favor nos avise clicando aqui.

Torcemos para que tudo esteja bem com você e sua família. Não se esqueça que a vacinação contra a COVID já está disponível em todo o Brasil. Aqueles que já receberam a 1ª e a 2ª dose, lembrem-se de tomar a dose complementar e mesmo após vacinação completa, é necessário seguir as medidas de cuidado necessárias para contermos o coronavírus. Cuide-se!

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

- ANUNCIE AQUI -
Estudante de Relações Publicas sempre vista com um livro na mão e o fone no ouvido.