Mariana Nolasco apresenta versão acústica de “Acredita/Ask for Love”

mariana nolasco
Foto: Divulgação
- PUBLICIDADE -
MAR ABERTO

Na sexta-feira (02), a cantora e compositora Mariana Nolasco lançou o quarto episódio de seu projeto acústico “Mariana Nolaco Sessions 2”, segunda edição desse ciclo de apresentações acústicas da artista. Nesse, ela apresenta “Acredita/Ask for Love”, mistura de duas faixas de seu EP “UM SÓ”, sobre o qual você pode ler aqui na NM, sendo “Acredita” uma faixa de transição.

- PUBLICIDADE -
MAR ABERTO

O vídeo, publicado no canal do Youtube da cantora, traz Mariana Nolasco em um ambiente intimista, um bosque atrás dela e acompanhada somente do seu violão e um microfone. Com foco em sua voz, a versão acústica traz o poder das faixas a tona, mostrando todas as emoções que foram inseridas nas composições, com versos como “Feel life rushing through your veins” (Sinta a vida correndo pelas suas veias).

- PUBLICIDADE -

Como você pôde acompanhar na Nação da Música, anteriormente a esse, a cantora lançou apresentações de “Alto Mar”, “Dia de Sorte” e “Era Amor”. Com participação especial de Vitor Kley no primeiro vídeo, Mariana Nolasco promete outros convidados no projeto que, por completo, terá oito faixas.

- PUBLICIDADE -

No player ao fim dessa matéria, você pode assistir à apresentação de “Acredita/Ask for Love” acústica, faixas de Mariana Nolasco.

- PUBLICIDADE -

Muito obrigado pela sua visita e por ler essa matéria! Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça que também curtam Mariana Nolasco, e acompanhe a Nação da Música através do Twitter, Google Notícias, Instagram, YouTube, Facebook e Spotify. Você também pode receber nossas atualizações diárias através do email - cadastre-se. Caso encontre algum erro de digitação ou informação, por favor nos avise clicando aqui.

Torcemos para que tudo esteja bem com você e toda a sua família. Não se esqueça de lavar bem as mãos e se possível #FicaEmCasa, mas se precisar sair não se esqueça de usar a máscara! Cuide-se.

Estudante de jornalismo, não-binárie e apaixonade por música. Sempre aberte para ouvir qualquer gênero, artista ou década. O universo do pop, principalmente hyperpop, k-pop e synthpop, é onde eu vivo e sobrevivo.