Metallica: baterista fala sobre a possibilidade de um álbum de quarentena

- PUBLICIDADE -
Metallica
Foto: Divulgação.

Nesta terça-feira (28), o baterista do Metallica, Lars Ulrich, participou de um bate-papo ao vivo com o CEO da Salesforce, Marc Benioff, e aproveitou para falar um pouco sobre como a banda está lidando a quarentena.

Durante a live, Lars contou que o grupo também aderiu as vídeo chamadas para se manterem conectados e colocarem a conversa em dia. “Nós temos sentado juntos nas últimas seis semanas e tendo inúmeras conversas. Os quatro membros do Metallica se conectam através do Zoom uma vez por semana, e é ótimo se conectar. Nós quatro, obviamente, estamos em quatro locais diferentes, em quatro estados diferentes agora. Mas um dos tópicos da conversa dessa semana no Zoom foi como será olhar pra frente? Como os próximos meses serão? Como o restante do ano será? (…) Em termos de como nós criamos, como escrevemos música, como gravamos música, e como compartilhamos música. E como tudo isso será com as incertezas que estão a frente de nós?

Lars então comentou sobre como para pessoas como eles, que trabalham no showbusiness, se torna confortável já saber como será os próximos meses por causa do planejamento de turnês, e ainda falou sobre os adiamentos e cancelamentos de shows, inclusive as apresentações que estavam agendadas para acontecer no Brasil no final de abril.

Para pessoas como eu, para as pessoas na banda (…) nós podemos ficar bem confortáveis sabendo tudo que está em nossa frente. Eu poderia te contar como seria o restante do meu ano de 2020, e poderia começar a te contar como seria meu ano de 2021. Nós planejamos tudo anos antes. Nós sabemos onde nós vamos estar. (…) Era para eu estar no Brasil está semana e fazendo shows pela América Latina. Eles foram mudados para o outono. (…) E eu tenho que dizer, já que eu e você estamos aqui, eu não sei como o resto dessas datas reagendadas serão. Eu espero, obviamente, que nós possamos tocar, e nos conectar e juntar as pessoas nessas situações através da música, mas eu e você, e todo mundo ouvindo e assistindo, sabemos que existe uma possibilidade significativa de nenhuma dessas datas acontecerem“, lamentou Lars.

Mas para dar uma animada aos fãs do Metallica, Beniff questionou o baterista sobre o grupo produzir um novo álbum durante a quarentena e Ulrich não descartou essa possibilidade. “Em todo os lugares no mundo, não só da música, mas do entretenimento (…) eu posso te garantir que já milhares de conversas sobre como fazemos discos agora. (…) Mesmo se você trazer para dentro do nosso mundo, as pessoas que fazem os softwares, e todas essas coisas que nós usamos para gravar, estão sentadas agora tentando descobrir como Lars, James, Kirk e Rob podem fazer um disco do Metallica de quatro localizações diferentes em quatro estados diferentes. E isso é algo que nós estamos, obviamente, rodeando e muito empolgados sobre. Mas muito disso estará relacionado com por quanto tempo as ordens de ‘fique em casa’ continuarão da mesma forma. (…) Então, haverá um disco de quarentena do Metallica? Eu não posso te dizer, novamente, porque eu não sei quanto tempo a quarentena irá durar. Mas se você, eu e o resto do mundo continuarmos sentados aqui mais seis meses ou um ano, eu diria que há uma grande chance“. Você pode conferir o bate-papo na íntegra aqui.

SHOWS NO BRASIL
Por falar no nosso país, como você pode ter visto aqui na NM, o Metallica reagendou toda a turnê que fará pelo Brasil que aconteceria agora no mês de abril com o Greta Van Fleet e a Ego Kill Talent. Os shows agora acontecerão em dezembro. Leia mais aqui.

Muito obrigado pela sua visita e por ler essa matéria! Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça que também curtam Metallica, e acompanhe a Nação da Música através do Twitter, Facebook, Instagram e Spotify. Você também pode receber nossas atualizações diárias através do email - clique aqui e cadastre-se. Caso encontre algum erro de digitação ou informação, por favor nos avise clicando aqui.

Torcemos para que tudo esteja bem com você e toda a sua família. Não se esqueça de lavar bem as mãos e se possível #FicaEmCasa, mas se precisar sair não se esqueça de usar a máscara! Cuide-se.

- PUBLICIDADE -