Paul McCartney fala sobre processo de criação intrigante de Kanye West

Paul McCartney falou um pouco sobre o processo de criação quando trabalhou com Kanye West durante uma live no Facebook, de acordo com publicação da NME desta quinta-feira (22).

A princípio, Paul disse que ficou nervoso quando concordou em trabalhar com o rapper, pois teve receio que o trabalho ficasse horrível, mas admitiu que ficou intrigado.

“E foi um processo muito intrigante”, declarou Paul. “Você basicamente não escreve as músicas. Você basicamente conversa, rabisca um pouco e grava tudo no seu celular. E então, ele vai embora. Esse é basicamente o álbum dele. Mas foi ótimo, porque eu não trabalho assim”, finalizou. 

“FourFiveSeconds” foi fruto dessa reunião, e ainda teve a colaboração de Rihanna, mas McCartney só ouviu a faixa três meses após esse processo e já estava quase ligando para o rapper para saber o que estava acontecendo quando recebeu uma cópia, adorou e ficou em dúvida se estava no trabalho. Paul e Kanye também trabalharam juntos nas faixas “Only One” e “All Day”.

“Eu liguei e perguntei ‘eu estou nisso?’ e ele [Kanye] disse ‘ah sim, você o guitarrista’. E eu falei ‘eu não lembro’. E ele ‘a gente acelerou um pouco'”, explicou Paul.

O britânico ainda comparou a forma de trabalhar de West com o álbum “Sgt Pepper’s Lonely Hearts Club Band”, quando os Beatles fizeram muitas experimentações e disse que se a banda ainda existisse, eles provavelmente trabalhariam da mesma forma.

Paul McCartney voltará ao Brasil em outubro para shows em São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Belo Horizonte e Salvador. Os ingressos para os show de Porto Alegre e São Paulo já estão esgotados. Mais informações aqui.

Deixe seu comentário no final da página, marque aquele seu amigo que também curte o Paul McCartney, e acompanhe a Nação da Música nas Redes Sociais: Facebook, Twitter, Spotify e Instagram.

VIANME
COMPARTILHAR

DEIXE SEU COMENTÁRIO!