Samuel Rosa conta a história por trás do sucesso do Skank “Pacato Cidadão”

Skank
Foto: Diego Padilha – I Hate Flash / Rock in Rio – Divulgação.
- PUBLICIDADE -
MAR ABERTO

Samuel Rosa divulgou, nesta quarta-feira (8), a história por trás da faixa “Pacato Cidadão”, para a série de vídeos “Como Eu Fiz Essa Canção”, em seu canal no Youtube.

- PUBLICIDADE -
MAR ABERTO

O vocalista do Skank conta que tudo começou com uma levada de bateria estilo dos anos 90 feita por Haroldo Ferretti e uma letra de Chico Amaral com o estilo de Jorge Ben Jor. “Mas eu pensava em outra coisa para a música, algo mais brasileiro e feliz, num tom de brincadeira, apesar de falar sobre temas pertinentes, ela tem isso de chamar o outro”, comentou Samuel Rosa. Confira o vídeo na íntegra com uma apresentação acústica de “Pacato Cidadão”.

- PUBLICIDADE -

Ainda sobre o contexto da faixa, o cantor fala que a letra se tornou “profética” ao abordar o tema da inclusão social e a educação. A versão original da canção veio em 1994, no álbum “Calango”, em um mashup com “Let ‘Em In”, de Paul McCartney, que “também se referia à inclusão social através das palavras dessa música”.

- PUBLICIDADE -

Em 2019, um comentário em uma das fotos no Instagram de Samuel Rosa viralizou na internet em relação à “Pacato Cidadão”. Ao defender a criminalização da homofobia, o cantor foi acusado de racismo por um seguidor, que justificou o argumento pela música “Macaco Cidadão”. Porém, o fã errou o nome da faixa e foi corrigido pelo próprio artista: “PACATO cidadão. Por favor.”, respondeu.

- PUBLICIDADE -

Como você acompanhou aqui no NM, o projeto “Como Fiz Essa Canção” pretende revelar detalhes da composição de diversas músicas do cantor, compositor e fundador do Skank. Os bastidores de hits como “Vou Deixar”, “Tão Seu” e “É Uma Partida de Futebol” já foram relembrados em seus próprios vídeos.

Muito obrigado pela sua visita e por ler essa matéria! Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça que também curtam Samuel Rosa, e acompanhe a Nação da Música através do Twitter, Google Notícias, Instagram, YouTube, Facebook e Spotify. Você também pode receber nossas atualizações diárias através do email - cadastre-se. Caso encontre algum erro de digitação ou informação, por favor nos avise clicando aqui.

Torcemos para que tudo esteja bem com você e toda a sua família. Não se esqueça de lavar bem as mãos e se possível #FicaEmCasa, mas se precisar sair não se esqueça de usar a máscara! Cuide-se.

- PUBLICIDADE -
Estudante de jornalismo, tendo shows como habitat natural e uma boa trilha sonora da vida