Franz Ferdinand
Divulgação

Depois de cinco anos sem lançar um álbum solo, Franz Ferdinand volta nos remetendo ao estilo que consagrou a banda em 2004. A influência de ritmos mais antigos é nítida e vemos um toque dos anos 70 e 80 em algumas faixas.

“Always Ascending” ainda é o primeiro trabalho após a saída de Nicky McCarthy, ex-guitarrista e tecladista da banda. E, apesar da ausência ser sentida, o substituto Julian Corrie conseguiu fazer uma boa estreia no grupo escocês.

Com um pouco mais de 40 minutos é possível ver a banda misturar pop, dance, pop rock, batidas eletrônicas e o uso de sintetizadores.  O disco é bem regular e algumas faixas se destacam positivamente. As três primeiras músicas são prova disso.

A faixa-título “Always Ascending” é a que mais guarda similaridades com o que ouvimos do Franz Ferdinand no passado. Ela é a mais longa do álbum, inicia num ritmo lento e, após um minuto e meio, estoura com uma boa mistura de eletrônico.

Já “Lazy Boy” que vem na sequência, apesar da letra simples, é outra que se destaca no álbum. Um pouco mais dançante, uma guitarra mais evidente e, claro, o fato de ser repetitiva fazem com que ela não saia da cabeça.  A terceira faixa “Paper Cages” também vem com um bom arranjo composto, nessa o destaque maior é para o uso dos teclados ao fundo.

Outras músicas que se destacam no álbum são “Huck and Jim”, “Lois Lane” e “Feel The Love Go”. A primeira pela interpretação de Alex Kapranos, fazendo o vocal num estilo americano e uma guitarra que se sobressai. Já a segunda tem a utilização do sintetizador como diferencial.  E, por fim, “Feel The Love Go” traz um estilo mais disco, pisando nos anos 1980 e com a presença de saxofone que dá outra cara à canção.

- PUBLICIDADE -

“Always Ascending” é um álbum conciso, recupera os bons momentos vividos pelo grupo no início da carreira e ainda traz tons aspectos musicais de décadas anteriores. O quinto disco é um bom trabalho de volta do Franz Ferdinand depois dos cinco anos sem um lançamento solo.

Deixe seu comentário no final dessa publicação, marque seus amigos que também curtem Franz Ferdinand, acompanhe a nossa agenda de shows e a Nação da Música através do Twitter, Facebook, Instagram e Spotify. Muito obrigado pela visita e por ler essa matéria!