Shawn Mendes
Foto: Rafael Strabelli / Nação da Música.

O Shawn Mendes trouxe toda a magia da sua turnê para o Brasil, com três datas esgotadas em São Paulo e Rio de Janeiro – sendo que a segunda em São Paulo, acabou sendo cancelado devido a problemas de saúde do cantor. Esta é a terceira vinda do canadense ao país, mas a primeira solo, pois as outras foram no Rock in Rio em 2017 e no Villa Mix em Goiânia em 2018.

Shawn está promovendo seu terceiro álbum de estúdio, “Shawn Mendes: The Album”, lançado no último ano e que rendeu bons frutos, como indicação ao Grammy Awards e shows lotados ao redor do mundo.

Com abertura da banda Lagum, por volta de 19h45, era dado início ao ato de abertura. O grupo conseguiu com facilidade cativar o público composto em sua maior parte por adolescentes, com suas letras românticas e ainda teve coro quando apresentou o sucesso “Deixa”.

Pontualmente as 21h, o Shawn subiu ao palco do Allianz Parque com a faixa “Lost In Japan”, levando a loucura a multidão de 30 mil fãs que o aguardavam ansiosamente. Já na primeira música ficou claro que o show seria visualmente bonito de assistir. As pulseiras de led entregues na entrada do estádio, piscavam e mudavam de cor de acordo com os sons das músicas, tornando um espetáculo ainda maior, sendo está uma técnica usada em turnês de outros artistas como Coldplay e Taylor Swift.

No meio do estádio existia um palco secundário, com uma rosa que faz parte da identidade visual desta fase atual do Mendes e mudava de cor em cada canção, além das pétalas também abrirem conforme o show rolava.

Shawn Mendes
Foto: Rafael Strabelli / Nação da Música.

Em vários momentos o artista se arriscou nas frases clássicas em português como “Eu te amo Brasil” e “Obrigado”. O jovem Mendes não poupou elogios aos fãs brasileiros e durante a parte acústica, onde canta músicas de seus álbuns mais antigos no palco secundário. Ele se declarou dizendo que os Mendes Armys brasileiros, como são chamados, sempre foram muito receptivos com ele desde o começo e sempre o apoiaram em sua música, sendo os mais intensos em todo mundo. Um dos pontos altos do show foi quando o músico fez um cover do clássico “Fix You” do Coldplay e emendou a faixa com “In My Blood”, sendo esta uma combinação inesperada, mas excelente para se apreciar ao vivo.

- PUBLICIDADE -

Com 27 músicas na setlist, o Shawn Mendes mostrou porque é um dos maiores popstars da atualidade, com toda sua versatilidade musical tocando diversos instrumentos, compondo suas próprias canções e entregando vocais impecáveis durante suas apresentações. O show do sábado (30), foi cancelado por ordens médicas após o cantor ser diagnosticado com laringite, já o show no Rio de Janeiro no dia 03 de dezembro continua de pé.

Para conferir a setlist completa da apresentação do Shawn Mendes em São Paulo, clique aqui.

Deixe seu comentário no final dessa publicação, marque seus amigos que também curtem Shawn Mendes, acompanhe a nossa agenda de shows e a Nação da Música através do Twitter, Facebook, Instagram e Spotify. Muito obrigado pela visita e por ler essa matéria!