Formação atual da banda:
Chester Bennington – vocalista
Rob Bourdon – baterista
Brad Delson – guitarrista
Dave Farrell (Phoenix)– baixista
Joe Hahn – DJ, fonógrafo, sampler, programador
Mike Shinoda – vocalista, rapper, guitarrista rítmico, tecladista e pianista

A história:
Em 1996, quando a banda se formou com apenas três integrantes, sendo eles Mike Shinoda, Brad Delson e Rob Bourdon, todos amigos de escola, o nome usado por eles era Xero. Enquanto Xero, tentaram ser aceitos diversas vezes por alguma gravadora, sem sucesso. Durante esse tempo, mais três integrantes juntaram-se ao grupo, Joe Hahn, Dave “Phoenix” Farrel e Mark Wakefield. As músicas feitas pela banda eram gravadas no pequeno estúdio que Shinoda havia feito em seu quarto. Porém essas músicas continuaram não fazendo sucesso e isso levou Wakefield e Farrel a saírem da banda. Confira uma delas abaixo:

Então, no ano de 1999, o produtor Jeff Blue da gravadora Zomba Music, indicou um novo vocalista substituto para a banda. Chester Bennington era
do estado do Arizona, porém aceitou participar da nova banda, pois, após sua saída da Grey Daze (banda do Arizona que alcançou pequena fama nacional), notou que a Xero seria a banda em que o sucesso cresceria.

Ainda em 1999, a Xero resolveu mudar seu nome para Hybrid Theory. A partir daí a banda começou a crescer e tiveram que trocar seu nome novamente porque outra banda já havia o nome Hybrid. A ideia do novo nome veio de um bairro de Santa Mônica, na Califórnia, o Lincoln Park. Por outros problemas, a banda teve que alterar algumas coisas no nome escolhido e assim surgiu o Linkin Park que, no final de 1999, assinou com a gravadora Warner Bros. Records.

O primeiro álbum do Linkin Park foi lançado em 24 de outubro do ano 2000. Intitulado Hybrid Theory e gravado em 1999, o álbum alcançou o segundo lugar na Billboard 200 e ganhou Disco de Ouro pela RIAA cinco semanas depois de ser lançado. O álbum que foi produzido por Don Gilmore foi o álbum mais vendido do ano de 2001 e alcançou enorme sucesso com os singles “One Step Closer”, “Crawling” e “In The End” (abaixo). Além destes, “Papercut” e “Points of Authority” também foram singles. Durante a gravação de “Hybrid Theory”, Phoenix saiu da banda e então o Linkin Park contratou dois baixistas para substituí-lo e terminar a gravação do CD, sendo eles Scott Koziol e Ian Hornbeck.

Ainda em 2001, o baixista Phoenix voltou para a banda e então eles começaram a trabalhar no segundo álbum intitulado Reanimation. Este é um álbum remix em que estão presentes alguns trabalhos feitos que não foram usados no “Hybrid Theory” e outros feitos durante a gravação do mesmo. No dia 29 do mês de julho de 2002 o álbum produzido por Shinoda foi lançado. “Reanimation” também alcançou o segundo lugar na Billboard 200 e teve como singles as canções “Pts. OF .Athrty” (abaixo) e “Frgt/10”, além de todas as faixas terem ganhado clipes. O álbum contou ainda com participações de artistas como Jonathan Davis (Korn) e Marilyn Manson (faixa bônus da edição japonesa).

- PUBLICIDADE -

Meteora, o terceiro álbum da banda, foi lançado no dia 24 de março de 2003 e chegou rapidamente ao topo das paradas e vendas nos EUA e no UK e na Austrália. Os singles deste álbum foram “Somewhere I Belong”, “Breaking the Habit”, “Faint” e “Numb” (abaixo). “Meteora” que foi produzido por Don Gilmore e lançado pela Warner, levou o Linkin Park ganhou diversos prêmios, além de ter se tornado um dos álbuns mais vendidos em sua semana de estréia em toda a história da Billboard.

Em 30 de novembro de 2004, a banda lançou um CD/DVD com o rapper Jay-Z, chamado Collision Course. O quarto álbum da banda traz 6 músicas mashups de ambos artistas, sendo todas elas de álbuns anteriores. Este álbum foi produzido por Kimo Proudfoot.

O quinto álbum do Linkin Park, Minutes to Midnight, foi lançado no dia 15 de maio de 2007 e foi o álbum mais vendido da banda, com 3,3 milhões de cópias ao redor do mundo somente no primeiro mês de lançamento do CD. Ficou em primeiro lugar no Billboard 200, chegou ao terceiro lugar no Top 50 aqui no Brasil, e também em terceiro no Top 30 de Portugal. O álbum conta com “What I’ve Done” (abaixo), sendo este o primeiro single; “Bleed It Out”, “Shadow of the Day”, “Given Up”, e “Leave Out All the Rest” também ganharam clipes.

Já o sexto álbum, A Thousand Suns, veio no dia 14 de setembro de 2010 através da gravadora Warner Bros. Records. Esse álbum teve co-produção do próprio integrante do Linkin Park, Mike Shinoda. Teve como primeiro single a música “The Catalyst” (abaixo). O álbum já havia vendido 780 mil cópias somente nos Estados Unidos até julho de 2011.

- PUBLICIDADE -

A previsão de estreia do sétimo álbum da banda, Living Things, é para o dia 26 de junho de 2012. O álbum também terá co-produção de Mike. O fulland, que contém 12 faixas, promete levar os fãs aos velhos tempos da banda. O primeiro single oficial é a faixa “Burn it Down”, já lançada, e que você pode ouvir abaixo.

EXTRAS:
O “Frat Party at the Pankake Festival” foi o primeiro DVD da banda, lançado em 20 de janeiro de 2002. O DVD conta com making-of do vídeo “In The End”, a música “Crawling” ao vivo no The Dragon Festival, e mais. O DVD teve produção de Bill-Berg Hillinger.

O “Live in Texas”, lançado no dia 17 de novembro de 2003 e produzido por Matt Caltabiano, é o primeiro CD/DVD ao vivo da banda. O DVD foi gravado em dois shows diferentes, Houston e no Dallas. Após a edição que junta as imagens de ambos os shows, o DVD traz por fim 17 músicas e o CD, 12 canções.

Foi lançado em 2004 o DVD,“Breaking the Habit” , que acompanha livro de filmes de animês e conta, baseado nisso, os eventos e o making of do videoclipe da música “Breaking the Habit”.

Lançado em 30 de novembro de 2004, o DVD “Collision Course” tem participação do rapper Jay-Z, e alcançou o primeiro lugar na Billboard 200, tornando o segundo EP a conseguir esse feito. O DVD conta com as músicas do CD, making-of e bastidores.

- PUBLICIDADE -

O segundo CD/DVD ao vivo é o “Road to Revolution”, lançado em 20 de novembro de 2008 com produção de Emer Patten, sendo esse o DVD mais longo da banda. Este conta com a participação do rapper Jay-Z trazendo músicas já lançadas anteriormente por ambos. O CD foi gravado durante o “Projekt Revolution”, que é um festival liderado pelo LP e tem participação de outros artistas.

Linkin Park no Brasil:
A banda já esteve em solos brasileiros duas vezes durante sua carreira.
A primeira apresentação foi no dia 11 de Setembro de 2004, num show somente deles. A turnê se chamava “Meteora World Tour” e o show aconteceu no Estádio do Morumbi, em São Paulo. Com abertura da banda Charlie Brown Jr., a banda reuniu 80 mil pagantes no dia.
A segunda passagem da banda pelo nosso país foi no ano de 2010, para o festival SWU. O show aconteceu na cidade de Itu, São Paulo no dia 11 de outubro.

Curiosidades:

  • – Em 2004, Mike Shinoda formou uma nova banda, Fort Minor, como projeto paralelo ao Linkin Park.
  • – Jay-Z ajudou a lançar o primeiro álbum do Fort Minor
  • – A banda participou de eventos de caridade para ajudar as vítimas do furacão Charley (2004) e Katrina (2005)
  • – A banda ganhou seu primeiro Grammy em 2001
  • – Linkin Park recebeu 56 nomeações a prêmios e levou 26 deles
  • – Os fãs que fazem parte do fã clube oficial da banda, o Linkin Park Underground, ganham CDs com músicas extras que não foram lançadas. Cada ano novas músicas são lançadas renovando assim as edições do CD.
  • – Em 2001, o Linkin Park fez 342 shows
  • – Meteora, lançado em março de 2003, chegou ao Disco de Platina, por um milhão de cópias vendidas, em menos de 15 dias.
  • Discografia:
    XERO (EP) – 1997
    Hydrid Theory (EP) – 1999
    Hybrid Theory – 2000
    Reanimation – 2002
    Meteora – 2003
    Collision Course – 2004
    Minutes to Midnight – 2007
    A Thousand Suns – 2010
    Living Things – 2012

    Singles:
    “One Step Closer” – Hybrid Theory
    “Crawling” – Hybrid Theory
    “Papercut” – Hybrid Theory
    “In the End” – Hybrid Theory
    “Pts.OF.Athrty” – Reanimation
    “Somewhere I Belong” – Meteora
    “Faint” – Meteora
    “Numb” – Meteora
    “From the Inside” – Meteora
    “Lying from You” – Meteora
    “Breaking the Habit” – Meteora
    “Numb/Encore” (com Jay-Z) – Collision Course
    “What I’ve Done” – Minutes to Midnight
    “Bleed It Out” – Minutes to Midnight
    “Shadow of the Day” – Minutes to Midnight
    “Given Up” – Minutes to Midnight
    “Leave Out All the Rest” – Minutes to Midnight
    “New Divide” Transformers: Revenge of the Fallen – The Album
    “The Catalyst” – A Thousand Suns
    “Waiting for the End” – A Thousand Suns
    “Burning In The Skies” – A Thousand Suns
    “Iridescent” – A Thousand Suns
    “Burn It Down” – Living Things

    Qual será o próximo Bandas de A-Z? Envie sua sugestão nos comentários logo abaixo ou através do nosso Twitter @nacaodamusica. Vote também na nossa enquete no Facebook clicando aqui.