Nesta semana de pós-feriado a semana parece demorar mais que o normal e para aliviar essa sensação apenas música para salvar, certo? O NM escolheu três álbuns que estão tiveram seus lançamentos oficiais na segunda(18) e na terça-feira(19).

Nesta semana de pós-feriado a semana parece demorar mais que o normal e para aliviar essa sensação apenas música para salvar, certo? O NM escolheu três álbuns que estão tiveram seus lançamentos oficiais na segunda(18) e na terça-feira(19).

Abrimos com o segundo álbum de Jake Bugg, aos 19 anos o inglês que tem como ídolos o Rolling Stones volta ao cenário musical com o álbum “Shangri la”. Bugg descreveu as novas músicas como “mais maduras“, mas afirmou que não queria que fosse “muito maduro, pois ainda tem 19 anos”, porém quer que seja um “avanço de seu trabalho anterior“.

O segundo lançamento é o disco da banda de post-hardcore Polar Bear Club, os nova-iorquinos o seu quarto álbum de estúdio, “Death Chorus”. O novo disco do PBC é o primeiro a ser lançado através do selo Rise Records.

E por fim, A banda Daughtry lançou está semana oficialmente o seu quarto álbum de estúdio “Baptized”. Para quem não sabe, ou não se lembra, a banda é do vocalista, Chris Daughtry, finalista da quinta edição do American Idol.

Confira todos os detalhes desses novos álbuns abaixo:

- PUBLICIDADE -

Jake Bugg – “Shangri La”

Jake Edwin Kennedy ou Jake Bugg, 19 anos, do signo de peixes, e treze meses depois do sucesso do lançamento de seu álbum de estreia, o músico lança nesta semana seu segundo disco “Shangri La”.

O álbum tem a produção assinada pelo famoso produtor Rick Rubin que já trabalhou com diversos nomes da música como System of a Down, Slayer, Linkin Park, RHCP, Lady Gaga, ZZ Top, Metallica entre outros. O disco foi gravado no estúdio em Malibu, em apenas três semanas e tem 12 canções inéditas. Bugg descreveu a NME, que as músicas soam de forma mais madura e disse, “Eu tenho 19 anos, então não é tão maduro assim. Eu quis imitar o que fiz no primeiro disco, mas ao mesmo tempo quis fazer melhor. Vão ter algumas canções mais otimistas, quero manter o lado acústico, que é o que eu faço, mas também terá um pouco de elétrico”.

As críticas em torno do novo disco tem disso bem divididas. Para Alexis Petridis, crítico do jornal The Guardian “ ’Shangri La’ deixa a insistência de Bugg de que ele é ‘apenas um rapaz que escreve músicas um pouco clara demais: é tão comum quanto ele quer que seja.”. E para Emily Mackay, do The Independent, escreveu “A voz de Bugg é muitas vezes nasal e chorona demais. E, é claro, ele nunca para com o Dylan, e, em seguida de Dylan, temos Dylan outra vez”.

- PUBLICIDADE -

Transpassando as criticas, Jake explica que o objetivo de seu segundo álbum era manter tudo o que ele já havia feito. “Mas eu parei de me preocupar com isso e seguir fazendo o que eu faço, que é escrever música. E, oportunamente, as canções vem. Eu realmente não planejo como, mas estou realmente feliz que elas venham do jeito que vieram.”.

Em entrevista a Zane Lowe da BBC Radio 1, Bugg revelou que o novo álbum explora a faceta garage rock que seu álbum de estreia não tinha. E quando perguntado sobre a duração das gravações do disco, Bugg respondeu, “Ele veio rápido, mas para mim, música é o que eu faço para fugir das coisas. Mesmo que seja uma loucura, quando tenho tempo para mim, pego na minha guitarra […] Viajei muito e tive algumas experiências malucas, por isso tive muito sobre o que escrever.”.

E para os fãs do cantor inglês, é bom lembrar que ele está confirmadíssimo no Lollapaloza Brasil em 2014, o festival ocorrer nos dias 5 e 6 de abril, no Autódromo de Interlagos. Confira a line-up completo e todas as informações sobre o festival clicando aqui.

Data de lançamento: 18 de novembro

Gravadora: Mercury Records, Virgin, EMI Records

- PUBLICIDADE -

Abaixo você pode assistir ao clipe do primeiro single de “Shangri La”, “What Doesn’t Kill You”:

Polar Bear Club – “Death Chorus”

A banda nova-iorquina Polar Bear Club lançou oficialmente nesta terça-feira(19), após dois anos o seu quarto álbum de estúdio, “Death Chorus”. O novo disco do PBC é o primeiro a ser lançado através do selo Rise Records.

Formada em 2005 a banda tem Jimmy Stadt nos vocais, Chris Browne na guitarra, Patrick Benson na segunda guitarra, Steve Port na batera e Tyler Smith no baixo, fizeram 11 faixas inéditas para este disco que conta com a produção de Will Yip.

A banda já havia lançado uma semana antes o disco foi disponibilizado na integra pela Redbull.

Sobre o título, o vocalista Jimmy Stadt declarou, “Acabou que algumas faixas ficaram com ‘morte’ ou ‘morrer’ nas letras, e foi daí que veio o nome. O clima é muito otimista, e nós gostamos do sentimento de contraste que o título traz para o som do álbum, que reflete as noções contrastantes de morte.” .

Discografia da banda: “Sometimes Things Just Disappear” (2008), “Chasing Hamburg” (2009), “Clash Battle Guilt Pride” (2011).

Gravadora: Rise Records

Data de lançamento: 19 de novembro

A banda de post-harcore escolheu a faixa “Why Live When You Can Die” para ser o primeiro single deste novo trabalho, confira o clipe abaixo:

Daughtry – “Baptized

A banda Daughtry lançou está semana oficialmente o seu quarto álbum de estúdio “Baptized”. Para quem não sabe, ou não se lembra, a banda é do vocalista, Chris Daughtry, finalista da quinta edição do American Idol.

O disco conta com um repertório de 12 faixas e teve a produção assinada por de Claude Kelly, Rock Mafia, Kara DioGuardi, Martin Johnson e Sam Hollander, estes dois últimos são conhecidos por suas colaborações com o duo Karmin.

O crítico Chuck Eddy da revista Rolling Stone deu duas estrelas e meia para o álbum e disse que, “Sete anos depois de ter colocado no American Idol, Chris Daughtry e sua banda estão abrindo seus pretenso grunge a mais algumas nuances: instrumentos populares e sintetizadores”, e Jon Caramanica, do New York Times fez uma avaliação mais negativa para o álbum, dizendo que ele sentiu Daughtry limitado com a música, “mas, apesar de a música do Daughtry abrandou, não há muito o Sr. Daughtry pode fazer com sua voz, que tem um, poderoso rugido atraente sem sutilezas para ele. Ele quer rugir, mas não é dado quase nenhuma oportunidade para que o faça.”.

Gravadora: RCA Records

Data de lançamento: 19 de novembro

Recentemente, a banda divulgou o clipe de “Waiting For Superman“, primeiro single extraído do novo álbum dos músicos que você pode conferir abaixo: