Exclusivo: All Time Low fala sobre novo álbum, turnê e vinda ao Brasil

All Time Low

A banda All Time Low, nasceu em 2003 na cidade de Baltimore, e desde o seu início é formada por Alex Gaskarth nos vocais e guitarra, Jack Barakat na guitarra, Zack Merrick no baixo e Rian Dawson na bateria. O grupo que é um dos principais expoentes do pop punk atual, recentemente, lançou o álbum “Future Hearts”, que chegou a alcançar a segunda posição da Billboard Top 200, e inclusive, são a banda do mês, aqui na Nação da Música.

- ANUNCIE AQUI -

Entrevista: Vicente Pardo
Confira nossa conversa com o Alex Gaskarth:

Vocês acabaram de lançar o seu sexto álbum, “Future Hearts”. Como foi trabalhar com alguém como John Feldmann (como produtor, porque essa parceria já havia acontecido em “Dirty Work”)? O disco alcançou a posição de número 2 na Billbord Top 200, perdendo apenas para a trilha sonora do Filme Velozes e Furiosos, parabéns! Como vocês se sentem tendo essa incrível primeira semana de vendas?

- ANUNCIE AQUI -

Alex: John é um talento incrível e criativo! Eu acho que o fato de que ele vem do mesmo mundo que a gente, realmente ajudou no desenvolvimento do som do nosso disco. Ele entende o que nós podemos e não podemos fazer, então tivemos um bom momento nos esforçando e mudando, sem perder o molde que o All Time Low é conhecido. Sobre estrear em uma posição tão alta? É absolutamente maravilhoso! É um verdadeiro testamento para nossos incrivelmente motivados e conduzidos fãs. Eles apareceram quando mais precisávamos e compraram esse nosso álbum.

Em “Future Hearts” o All Time Low traz, mais uma vez, algumas colaborações ótimas, como Mark Hoppus e Joel Madden, dois dos melhores heróis da era do pop punk. Que tipo de experiência eles trouxeram para o processo criativo? E, falando de heróis, All Time Low tem estado por aqui por um longo tempo, então podemos dizer que vocês já são os heróis de algumas bandas. Como se sentem ao serem a inspiração para o trabalho de alguma pessoa?

- ANUNCIE AQUI -

Alex: Eles dois são ótimos talentos para se trabalhar, e tem um grande estilo que cada um traz. Nós crescemos escutando suas músicas, então é um momento legal para nós podermos tê-los em nosso álbum. E sobre as pessoas se inspirarem na nossa banda da mesma forma, é uma honra. Nós nunca esperamos alcançar as pessoas do jeito que temos feito, então é incrível ver o nosso trabalho pago dessa forma.

Sobre novas bandas, o que vocês tem escutado de novo? Eu percebi que vocês estão em turnê com Issues, Tonight Alive e State Champs, bandas novas nesse cenário que o All Time Low cresceu e continua forte, mesmo depois de todos esses anos. Como é dar apoio a esses novos artistas?

- PUBLICIDADE -

Alex: Eu tenho escutado Pvris, State Champs, Sia e muito do The Weeknd. Eu também estou curtindo muito uma banda chamada Night Riots, no momento! Eu acho que é realmente importante que bandas que estão por aí há algum tempo, abracem novos e jovens talentos e os ajudem a crescer. É tudo sobre ajudar o outro, e crescer a comunidade da música de um jeito positivo.

O que vocês tem para dizer para essas novas bandas, que agora, estão tocando em uma garagem mas sonham em ter uma carreira tão bem sucedida como a de vocês? Algum bom conselho?

- ANUNCIE AQUI -

Alex: Mantenha sua cabeça baixa, trabalhe duro e sempre seja legal com os outros. Ninguém quer trabalhar com babacas!

Falando sobre turnê, vocês estão animados em cair na estrada de novo? E, eu preciso perguntar, quando vocês vão vir para o Brasil de novo? A última turnê aqui foi cancelada, deixando os fãs desesperados por mais.

- ANUNCIE AQUI -

Alex: Sim, absolutamente. É muito legal estar de volta a estrada, especialmente porque vamos tocar várias músicas novas. Nós estamos trabalhando para voltar ao Brasil, então vamos esperar que tudo dê certo dessa vez.

Não deixe de curtir a nossa página no Facebook, e acompanhar as novidades do All Time Low e da Nação da Música.

- ANUNCIE AQUI -

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

Vicente Pardo
Vicente Pardo
Vicente Pardo: Editor do Nação da Música desde 2012, formou-se em Jornalismo pela Universidade Federal de Pelotas em 2014. A música sempre foi sua paixão e não consegue viver sem ela. É viciado em procurar artistas novos e não consegue se manter ouvindo a mesma coisa por muito tempo. Também é um apaixonado por séries de TV e cultura pop.