Chegou ao fim neste domingo (22) as apresentações do Palco Sunset no Rock in Rio 2013. Em uma edição repleta de shows e encontros memoráveis, o palco secundário ganhou ainda mais espaço e trouxe nesse dia voltado para o Metal grandes reuniões que atraíram boa parte do público da Cidade do Rock. Leia abaixo alguns destaques desse dia 21 no Palco Sunset do Rock in Rio 2013.

Às 14:40h, pouco depois da abertura dos portões, teve início a apresentação de André Matos e sua antiga banda Viper. Após 22 anos longe dos vocais do grupo, André trouxe sua energia e sua voz marcante para a performance, que incluiu faixas como “Liberty”, “Fairy Tale” gravada originalmente com o Shaman e muito bem recebida pelo público, “Carry On”, entre outras. Em “Living For The Night”, ele recebeu ao palco Pit Passarell, Felipe Machado e Guilherme Martin. A partir daí, veio um breve passeio pela carreira do Viper até culminar na homenagem ao festival e ao Queen, que fez um dos shows mais lembrados do festival. “We Will Rock You” em versão mais pesada encerrou o grande encontro.

João Mattos – Estacio

Na segunda reunião do dia, Destruction e Krisiun reviveram a turnê “25 Years of Total Destruction”, a qual atuaram juntos. Às 16:00h, os primeiros acordes de “Curse The Gods” foram ouvidos. A partir daí, vieram “Trash Till Death”, “Spiritual Genocide”, “Nailed To The Cross” e “Mad Butcher”. As bandas, que tem juntas 54 anos de formação, tiveram se juntaram em uma cover de Venom, a faixa “Black Metal”, que fez a alegria do público. Palavrões em português fizeram sucesso na boca dos integrantes da banda alemã, que teve sua faixa “Total desaster” finalizando a performance.

Rafael Arruda – Estacio

A partir de 17:30h, o Helloween e seu fundador e antigo integrante Kai Hansen subiram ao palco e promoveram uma verdadeira festa do metal. Primeiramente, a banda alemã subiu ao palco e tocou canções como “Eagle Fly Free”, “Where Are The Sinners Go”, “I’m Alive” e “Power”. Logo após “Are You Metal”, o vocalista Andi Deris declarou que a banda “voltaria para casa” e chamou ao palco Kai, agora integrante do Gamma Ray. Juntos, eles fizeram os fãs pularem com “Dr. Stein”, “Future World” e “I Want Out”, que encerrou de forma primorosa a performance.

- PUBLICIDADE -

Confira a setlist do show.

Elisangela Melo – Estacio

Fechando o palco Sunset dessa edição, a esperada união entre os sons do Sepultura e do Zé Ramalho. Às 19:30h, a banda começou com “Dark World”. “Dusted”, “Spit” e “The Hunt” também foram apresentadas e já com a presença do paraibano veio a versão de “Da Lama Ao Caos” de Chico Science. Clássicos da carreira de Zé como “Dança das Borboletas” e “Mote das Amplidões” ganharam um toque especial com a guitarra de Andreas Kisser. “Ouro”, faixa de parceria entre Kisser e Tony Belloto dos Titãs, também foi incluida na apresentação, além do clássico “Ratamahatta”. Para finalizar, todos cantaram juntos “Admirável Gado Novo”, no palco e na plateia. Mais uma apresentação para ficar na história do Rock in Rio.

Confira a setlist do show.

- PUBLICIDADE -
Marcus Vini