Bastille: Dan Smith comenta polêmica sobre nudez em videoclipe

Bastille

No dia 22 de junho, a banda Bastille divulgou o videoclipe de “Good Grief”, primeiro single do novo álbum “Wild World”, que chegará às lojas no dia 09 de setembro. Junto com o lançamento do videoclipe, vieram os comentários polemizando a cena do clipe em que é mostrada uma mulher com os seios de fora.

Dan Smith, vocalista do Bastille, defendeu na última segunda-feira (04) o videoclipe em entrevista para a Digital Spy  e comentou que não acredita que a cena de nudez seja gratuita. “O vídeo é todo sobre surrealismo. É uma cena de sonho estendida”, ele explica. “Um delas [das cenas] é de uma garota e eu acho interessante ver a reação que ela provoca. Em alguns países e algumas sociedades, nudez feminina não é nada controverso”, continua.

O vocalista também relata que, além dos comentários contrários à ideia do videoclipe, também há pessoas defendendo a banda: “Algumas pessoas estão citando a nudez e outras pessoas estão imediatamente a defendendo, dizendo que não é sexualizada e não parece exploradora”.

Por fim, Dan ressaltou que, apesar do vídeo também mostrar momentos de violência, como um roubo, não houve comentários polemizando tais cenas, apenas a nudez. “Isso diz muito sobre nossas reações. A intenção é ser artístico”, afirmou.

Não deixe de curtir nossa página no Facebook, e acompanhar as novidades do Bastille e da Nação da Música. Confira o “Good Grief”, o videoclipe que causou a polêmica, abaixo:

COMPARTILHAR
Marina Moia
Jornalista, bauruense de coração e apaixonada por música desde que se conhece por gente. Viciada em séries, amante de livros e colecionadora de batons coloridos.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!