Bob Dylan é acusado de plagiar “Moby Dick” em seu discurso do Prêmio Nobel

Bob Dylan está sendo acusado de plagiar o livro “Moby Dick”, de Herman Mellville, em seu discurso de aceitação do Prêmio Nobel de Literatura.

De acordo com a revista Slate, 20 partes de seu discurso foram encontradas no site Sparknotes, onde são publicados trechos de livros, e estas coincidem com o clássico escrito por Mellville.

A suspeita surgiu por causa da frase “alguns homens machucados são direcionados a Deus, outros a amargura” dita por Dylan e que, de acordo com a jornalista Andrea Pitzer, não está no livro, mas consta na entrada da publicação no site de citações. Além desta, ela ainda cita outras 19 similaridades entre o discurso e a obra literária. Você pode conferir todas, em inglês, aqui.

Dylan foi anunciado como ganhador do Prêmio Nobel de Literatura em outubro de 2016, durante meses especulou-se como ele aceitaria o prêmio, se faria o tradicional discurso. Em março, o cantor reuniu-se com Sara Danius, secretária da academia sueca, para receber seu prêmio de forma privada e sem meios de comunicação. No dia 5 de Junho, a conta oficial do Prêmio Nobel postou no Youtube o discurso de aceitação do cantor. Ele ainda não se pronunciou sobre a acusação de plágio.

Deixe seu comentário no final da página, marque aquele seu amigo que também curte Bob Dylan e acompanhe a Nação da Música nas Redes Sociais: Facebook, Twitter, Spotify e Instagram.

COMPARTILHAR

DEIXE SEU COMENTÁRIO!