Com parte do Tidal, Jack White diz que o serviço não é elitista e favorece estreantes no meio

Jack White

- ANUNCIE AQUI -
@nacaodamusica

- ANUNCIE AQUI -
@nacaodamusica

Na última quinta-feira (21) a Rolling Stones publicou alguns trechos do bate-papo entre Jack White e seus fãs. A conversa foi promovida através do site da gravadora do músico, a Third Man. Dentre os assuntos comentados, Jack White defendeu o serviço de streaming Tidal, que vem recebendo críticas desde seu lançamento em março.

- ANUNCIE AQUI -

O Tidal pertence a Jay Z, além de vários outros artistas que participaram do evento de lançamento do serviço. Junto de Jack White, possuem parte do Tidal músicos como Rihanna, Beyoncé, Daft Punk, Madonna, Alicia Keys, Usher, Coldplay, Nicki Minaj, e outros. Justamente pelos artistas serem os proprietários do serviço, é que chegaram as críticas.

- ANUNCIE AQUI -

O Tidal surgiu com a promessa de revolucionar a música, e é um serviço pago – a princípio não disponibilizado no Brasil. A intenção é gratificar o artista pelo trabalho dele, e, conforme Jack White, não é elitista – como algumas acusações feitas inclusive por outros músicos. “O que há de elitista nisso? Quem está defendendo os peixes pequenos?”, questionou White durante o bate papo. Ele complementou: “Quanto você pagou pelo último filme que viu no cinema? E quanto esse filme custou para ser feito? Não desvalorize os músicos cara, os ajude. Gravar discos é caro. Não vejo as pessoas dizendo que devemos ir ao cinema de graça ou que a Netflix deveria ser gratuita”.

- ANUNCIE AQUI -

Jack White defende o serviço e essa intenção de gratificar o artista, além de também afirmar que ele beneficia os iniciantes no meio da indústria da música. “Um serviço de streaming que pertence aos artistas é o primeiro passo para mudar a indústria, não tem nada a ver com os ricos ficando mais ricos. Isso permite aos artistas que têm espaço tornarem o cenário acessível aos que ainda não têm uma voz. A Third Man está cheia de artistas de quem o mainstream nunca ouviu falar e que não têm voz ou força no sistema”. Jack White ainda falou sobre os diferenciais do Tidal, como a qualidade do áudio disponibilizado.

Não deixe de curtir a nossa página no Facebook, e acompanhar as novidades de Jack White e da Nação da Música.

- ANUNCIE AQUI -

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

João Pietro: Jornalista, gaúcho e admirador da música em todas as suas vertentes. Apaixonado pela cultura e suas diversas formas de se manifestar, entende que ela é transformadora. Não dispensa um café forte, imagina que se sai bem no improviso e valoriza as relações interpessoais. Também gosta de tocar violão, admira o amor e busca ser otimista.