Djonga
Divulgação

O Djonga liberou nessa quarta-feira (13) em seu canal no YouTube, o terceiro álbum solo da carreira, “Ladrão”.

O trabalho é composto por 10 faixas, entre elas parcerias em “Deus e o Diabo na Terra do Sol”, com Filipe Ret, “Tipo”, com MC Kaio, e “Voz”, com Doug New e Chris. Outro destaque, é a sua adaptação da música “Moleque Atrevido” de Jorge Aragão.

View this post on Instagram

Quando eu era criança, eu andava na rua e me sentia ladrão mesmo quando nunca tinha roubado nada as pessoas olhavam com medo, quando cresci mais um pouco roubei pra ter e pra me sentir melhor, me sentir fodão. . .o tempo passou e eu entendi que tipo de ladrão eu devia ser, esse que busca e traz de volta pras minhas e pros meus. . .se preparem pra ver meu melhor, eu juro que eu dei meu melhor. . .e dessa vez eu to falando sério. . .quando eu disse que queria ser Deus eu não sabia a responsa que eu tava chamando pra mim, quando eu entendi eu percebi o que eu devia fazer, aí eu fui lá e fiz o que eu sempre fiz: roubei, roubei e trouxe de volta! Obrigado por trabalhar nessa comigo: @ceiaent @alvinhocaverna @assis176 @serralhinha

A post shared by Sen Sação ? (@djongador) on

- PUBLICIDADE -

Pelo Instagram, o rapper contou que o conceito de “Ladrão” é inspirado na história de “Robin Hood”, um herói mítico que rouba dos ricos para dar aos pobres. “Quando eu era criança, eu andava na rua e me sentia ladrão mesmo quando nunca tinha roubado nada as pessoas olhavam com medo, quando cresci mais um pouco roubei pra ter e pra me sentir melhor, me sentir fodão. . .o tempo passou e eu entendi que tipo de ladrão eu devia ser, esse que busca e traz de volta pras minhas e pros meus. . .se preparem pra ver meu melhor, eu juro que eu dei meu melhor. . .e dessa vez eu to falando sério. . .quando eu disse que queria ser Deus eu não sabia a responsa que eu tava chamando pra mim, quando eu entendi eu percebi o que eu devia fazer, aí eu fui lá e fiz o que eu sempre fiz: roubei, roubei e trouxe de volta!“, escreveu o mineiro.

O sucessor de “O Menino Que Queria Ser Deus” de 2018, também chega às plataformas digitais nesta quarta-feira (15).

Deixe seu comentário no final dessa publicação, marque seus amigos que também curtem Djonga, acompanhe a nossa agenda de shows e a Nação da Música através do Twitter, Facebook, Instagram e Spotify. Muito obrigado pela visita e por ler essa matéria! Ouça “Ladrão”:

- PUBLICIDADE -