Grupo feminista protesta antes do show de Emicida em São Paulo

Na noite da última terça-feira (10), um grupo de mulheres protestou contra Emicida antes do show de lançamento de seu novo álbum no Sesc Pinheiros. O motivo do protesto teria sido a música “Trepadeira”, um samba rock cantado pelo rapper com o baterista Wilson das Neves que faz parte da tracklist de “O Glorioso Retorno de Quem Nunca Esteve Aqui”.

- ANUNCIE AQUI -
@nacaodamusica

Com cartazes que diziam “Emicida machista”, “Machismo mata” e “Fora Feminicida”, as protestantes criticavam a letra da música que faz trocadilhos com plantas para se referir à mulher. Confira um trecho: “Minha tulipa, a fama dela na favela enquanto eu dava uma ripa/ Tru, azeda o caruru/ E os mano me falava que essa mina dava mais do que chuchu”.

- ANUNCIE AQUI -

Em resposta às críticas, durante o show o rapper recitou uma poesia na qual defende a liberdade do sexo feminino e a dedicou às mulheres. “Mulheres devem ser livres para ser fraca, guerreira, para ser o que quiser, inclusive trepadeira” disse Emicida. Ouça “Trepadeira” no player abaixo:

- ANUNCIE AQUI -

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

- ANUNCIE AQUI -