Iron Maiden está próximo de chegar ao fim, disse Steve Harris – baixista e principal compositor da banda – em entrevista para jornal argentino El Liberal. A entrevista foi feita no dia 03 de Abril durante a turnê do “The Book Of Souls” pela América do Sul, inclusive no Brasil (confira a resenha do show em São Paulo aqui).

Em resposta a pergunta de como o Iron Maiden se manteve com maestria no cenário do Rock após 40 anos de banda, Harris respondeu“Não nos preocupamos em ter segredos. No fim do dia, nós fazemos o que as pessoas gostam, que, por sorte, é o que gostamos também. Temos muita sorte. Temos fãs fiéis que fazem tudo pela banda, seja comprando discos, seja nos ouvindo no Spotify. Eles nos acompanhamos como se fôssemos uma banda nova. Estamos nisso há muito tempo, sabemos que o fim da nossa carreira está próximo. Foi uma grande jornada. Por sorte, nossos fãs ao redor do mundo ainda nos seguem”

Quando foi questionado de como ele vê a banda daqui dez anos: “Não é fácil de dizer. Agora nós podemos tocar, ter nossas aeronaves, um novo álbum, especialmente depois do que aconteceu com Bruce. Estamos felizes em estar aqui e tocar. Não penso muito sobre isso, talvez em um ano voltamos para fazer outro passeio, nós não pensamos muito nisso”, contou o baixista. Isso seria uma deixa de que a banda não está tão perto de acabar? E você acha, assim como o Steve Harris, que o fim do Iron Maiden está próximo?

Não deixe de curtir a nossa página no Facebook, e acompanhar as novidades do Iron Maiden e da Nação da Música.