Em entrevista à publicação alemã “Grazia”, Lana Del Rey comentou detalhes sobre a inspiração que teve para compor a faixa “Fucked My Way Up To The Top”.

Segundo Lana, a faixa é sobre uma cantora que desdenhou de seu estilo, tempos atrás. “É sobre uma cantora que, à princípio, tirou sarro do meu estilo que era supostamente inautêntico, mas depois o roubou e o copiou”, explicou Lana, que ainda disparou. “E agora ela age como se eu fosse o trabalho de artes e ela fosse a super artista. Meu Deus, e as pessoas ainda acreditam nela, ela tem sucesso!”, desabafou. Lana não quis revelar que é a tal cantora, afirmando que isso não a levaria a lugar nenhum. Você tem alguma sugestão?

Recentemente, Lana revelou sofrer de uma doença que a faz se sentir depressiva. A cantora já passou por consultas médicas, mas nem os médicos conseguiram diagnosticar o misterioso caso da cantora. E essa situação, afeta também a vida artística da cantora. Durante um show em Dublin, na Irlanda, em maio deste ano, Lana chorou durante a apresentação:

Foi muito pesado. É duro se apresentar para pessoas que se preocupam de verdade com você, e você não pode se preocupar consigo mesma às vezes. Achei que isso era triste, que minha posição era triste”, revelou durante entrevista à revista Fader.

Ultraviolence”, próximo álbum de Lana Del Rey será lançado no próximo dia 17. Com este lançamento, Lana deverá se preparar para uma maratona de shows para promover seu novo disco, além de lidar com esse misterioso caso que afeta sua saúde.

- PUBLICIDADE -