Em nota no site oficial, o ex-jogador e agora deputado federal Romário (PSB/RJ), lançou o projeto de lei afim de valorizar os profissionais que atuam em todas as atividades relacionadas ao Hip-Hop no Brasil.

O Projeto de Lei 6756/2013 propõe regulamentar as profissões e atividades da cultura Hip Hop no país. Se aprovado, as atividades exercidas por DJs, MCs, Rappers, Beat Box, Dançarinos de Rua e Grafiteiros, serão reconhecidas pelo Ministério do Trabalho e poderão ser registradas em carteira de trabalho.

Assim, como em toda profissão, as atividades citadas acima terão ainda todos os direitos das outras profissões, incluindo horas extras e férias. As atividades poderão ser exercidas por profissionais formados em cursos específicos ou que apresentem a frequência de um ano exercendo a profissão, por contratos ou de maneira autônoma.

A Nação da Música torce para que esta e outras leis sejam criadas e aprovadas, para a valorização da cultura da música em nosso país.