Imagine Dragons lança vídeo apocalíptico mas dançante para “Monday”

Imagine Dragons
Foto: Divulgação
- ANUNCIE AQUI -
Lubeka

Parte do último álbum da banda Imagine Dragons, “Mercury – Act I”, a faixa “Monday” ganhou um videoclipe brincante nessa sexta-feira (24) – depois de anunciarem ele ontem (23), no seu Twitter. A canção é a quinta música do disco, lançado no dia 03 desse mês, setembro de 2021, sobre o qual você pode ler aqui na Nação da Música.

- ANUNCIE AQUI -
Lubeka

O clipe acompanha a atmosfera apocalíptica que fez parte de vários dos lançamentos dessa era do grupo, mas também brinca com a diversão e o cotidiano, harmonizando perfeitamente com a aura mais leve de “Monday”, especialmente em comparação com o resto do projeto.

- ANUNCIE AQUI -

Começando com o vocalista Dan Reynolds dançando logo depois de acordar – o que ele vai fazer ao longo do vídeo inteiro – a vibe apocalíptica aparece em certos momentos, como a TV anunciando desastres e o bunker, no qual o Imagine Dragons está, tremendo com explosões.

- ANUNCIE AQUI -

O videoclipe acompanha bem a canção, que canta diretamente sobre apreciar a segunda-feira e sobre como ela significa um novo começo.

- ANUNCIE AQUI -

Você encontra o vídeo de “Monday”, faixa da banda Imagine Dragons, no player ao fim dessa matéria.

Muito obrigado pela sua visita e por ler essa matéria! Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça que também curtam Imagine Dragons, e acompanhe a Nação da Música através do Twitter, Google Notícias, Instagram, YouTube, Facebook e Spotify. Você também pode receber nossas atualizações diárias através do email - cadastre-se. Caso encontre algum erro de digitação ou informação, por favor nos avise clicando aqui.

Torcemos para que tudo esteja bem com você e toda a sua família. Não se esqueça de lavar bem as mãos e se possível #FicaEmCasa, mas se precisar sair não se esqueça de usar a máscara! Cuide-se.

- ANUNCIE AQUI -

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram.

Estudante de jornalismo, não-binárie e apaixonade por música. Sempre aberte para ouvir qualquer gênero, artista ou década. O universo do pop, principalmente hyperpop, k-pop e synthpop, é onde eu vivo e sobrevivo.