Resenha: Raimundos faz show intimista no lançamento do Acústico em SP

Foto: Rafael Strabelli / Nação da Música.

Na noite do último sábado (06), a cidade de São Paulo recebeu o lançamento do novo DVD Acústico dos Raimundos, no Teatro Bradesco, localizado em Perdizes, do ladinho do Estádio Allianz Parque.

Pois bem, o show começou por volta das 22 horas – um pouco antes pra falar a verdade – e ao longo de toda a apresentação era possível ver pessoas de diversas idades, famílias, com diferentes posturas, curtindo aquele momento que só se encerrou próximo da 0h.

Em mais de um momento, foi possível acompanhar um Raimundos descontraído, que fazia diversas pausas entre suas músicas e, nesses momentos, por ter uma proposta mais intimista, eles podiam ver os rostos dos presentes e conseguiam inclusive identificar alguns dos fãs e amigos que estavam na plateia e até brincavam com eles.

Embora muitos, inclusive eu, tivesse esse pré-conceito – errado, confesso – definido inicialmente de que esse é o tipo de show que não funcionaria tão bem dentro de um teatro como este, tudo o que se viu foi algo muito fora do habitual e que sim, funcionou muito bem, com boa parte das pessoas assistindo ao show em pé, uma rodinha de bate cabeça que começou entre amigos com uns cinco apenas, e foi aumentando ao longo de toda a apresentação, muita diversão e pouca gente levando a sério o ambiente em que estavam, o que, em minha opinião, fez uma diferença gritante e deixaram as coisas com a cara dos Raimundos de fato.

Foto: Rafael Strabelli / Nação da Música.

A própria banda brincou durante a apresentação, até mesmo mais de uma vez, que não poderiam falar palavrão, pois estavam no teatro e, logo em seguida, soltavam um “Porra, a gente não pode falar palavrão no teatro, caralho” e se divertiam com o momento.

Agora falando um pouco mais sobre o setlist. As músicas apresentadas seguiram a tracklist, inclusive na ordem do DVD praticamente que foi executado em sua totalidade. A única surpresa entrou mais para o final da performance, quando Digão puxou e foi acompanhado pelos presentes no cover de “Love of My Life” do Queen. Um fato interessante sobre o show é que em algumas músicas, o ex-baterista e grande amigo dos caras, Fred Castro, esteve presente e assumiu as baquetas, inclusive no final quando eles tocaram “Eu Quero Ver o Oco”. Uma outra presença de peso foi a do guitarrista do Charlie Brown Jr., Marcos Britto, que diferente do Fred, fez parte da performance do início ao fim.

Sem dúvida, esse é um daqueles shows que dá vontade de ver mais de uma vez. Os arranjos ficaram muito bem feitos, a banda está muito confortável e segura e é um prato cheio para quem gosta dos clássicos dos Raimundos. A audição desse novo trabalho dos caras, está disponível no final dessa publicação.

Deixe seu comentário no final da página, marque aquele seu amigo que também curte o Raimundos, e acompanhe a Nação da Música nas Redes Sociais: Facebook, Twitter, Spotify e Instagram.


COMPARTILHAR
A redação é comandada por Rafael Strabelli, Editor Chefe e Fundador da Nação da Música, que existe desde 2006. O site possuí mais de 20mil publicações entre notícias, shows, entrevistas, coberturas, resenhas, videoclipes e muito conteúdo exclusivo.

DEIXE SEU COMENTÁRIO!