Confira 10 dos mais incríveis e marcantes solos de guitarra (Parte 1)

Depois de termos compilados 10 dos melhores solos de baixo da história, o Nação da Música inicia a partir de agora uma série sobre solos de guitarra. Como se sabe, solos de guitarra é o som produzido apenas pelas cordas do instrumento, apresentando sonoridade, velocidade e principalmente a técnica do guitarrista. Geralmente esse é o momento da música que mais transcende o poder que ela tem sobre seus amantes.

- ANUNCIE AQUI -
Lubeka

Abaixo separamos a primeira parte da série com os solos de guitarra mais incríveis e marcantes da música. Confira os primeiros 10 selecionados abaixo – com a música, banda e guitarrista. Comente e ajude a NM nas próximas partes do especial.

- ANUNCIE AQUI -

#Gary Rossington, Allen Collins – Lynrd Skynrd

- ANUNCIE AQUI -

Com cerca de 13 minutos a música “Free Bird” da banda Lynrd Skynrd é uma das escolhidas para a lista. A música faz parte do álbum de estreia da banda, o que influenciou na boa apresentação do grupo e da habilidade dos guitarristas Gary Rossington e Allen Collins. Além de estar presente no primeiro disco, “(Pronounced ‘L?h-‘nérd ‘Skin-‘nérd)“, a canção  também foi incluída em álbuns seguintes da banda. Críticos costumam dizer que o solo de “Free Bird” é “agressivo, implacável e totalmente hipnotizante”.

- ANUNCIE AQUI -

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

#David Gilmour – Pink Floyd

- ANUNCIE AQUI -

O que falar de Pink Floyd? E mais precisamente de David Gilmour? A relação entre David Gilmour e Roger Waters já estava crítica quando ambos compuseram uma das obras mais clássicas do Pink Floyd: “Comfortably Numb”. A música está presente no álbum duplo “The Wall”, de 1979, e tem o solo constantemente apontado como o maior do grupo e o mais bonito de todos os tempos.

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

- PUBLICIDADE -

#Zakk Wylde – Ozzy Osbourne

A canção que dá o título ao sexto álbum do Ozzy Osbourne, “No More Tears” de 1991. Apesar disso, a faixa foi o quinto single do disco, o que não interfere em sua qualidade. O guitarrista Zakk Wylde performa o solo mais longo entre todos os demais do Ozzy, entre todos os álbuns.

- ANUNCIE AQUI -

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

#Jimi Hendrix – The Jimi Hendrix Experience

- ANUNCIE AQUI -

O que acontece se uma obra de Bob Dylan for aperfeiçoada por Jimi Hendrix? Simplesmente nasce uma das melhores músicas da história, sem contar o solo de 1 minuto criado por um dos melhores guitarristas de todos os tempos. “All Along the Watchtower” foi escrita por Dylan, mas teve os direitos entregues a Hendrix logo depois que a versão foi lançada por ele, em 1968. A música está presente no álbum “Electric Ladyland”, mas também havia sido lançada no álbum “John Wesley Harding” (1967) de Bob Dylan.

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

- ANUNCIE AQUI -

#Eddie Van Halen – Van Halen

“Eruption” é literalmente um solo de guitarra. Totalmente instrumental – sendo tocada junto da bateria e e baixo – a música do Van Halen garante seu lugar entre as mais marcantes de todas. Eddie Van Halen demonstra sua alta técnica com a guitarra, e não é a toa que ele é um dos que mais influenciou e ainda influencia músicos. Foi através de “Eruption” que Eddie Van Halen popularizou o “tapping” – técnica em que, como o nome sugere, o guitarrista parece digitar nas cordas.

- ANUNCIE AQUI -

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

#Jimmy Page – Lez Zeppelin

- ANUNCIE AQUI -

Considerada uma das maiores canções de rock dos últimos tempos, “Stairway To Heaven” também garante seu lugar. O solo aparece mais para o final da música, encerrando-a com a emoção em alta. O solo complementa a canção ao mesmo tempo em que exibe muito da habilidade de Jimmy Page. “Stairway To Heaven” é uma das principais faixas do quarto álbum do Led Zeppelin, “Led Zeppelin IV” de 1971, e fez sucesso em rádios do mundo todo – inclusive dos países em que não foi lançada como single.

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

- ANUNCIE AQUI -

#Ritchie Blackmore – Deep Purple

A faixa que abre o álbum “Machine Head” (1972) do Deep Purple também tem o solo como destaque. A guitarra entra logo após o solo feito com o órgão, e dá seguimento a canção “Highway Star”. É nesse momento que Ritchie Blackmore expõe sua capacidade com o instrumento em pouco mais de 1 minutos de solo.

- PUBLICIDADE -
- ANUNCIE AQUI -

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

#Mark Knopfler – Dire Straits

“Sultans of Swing” foi o primeiro single da banda britânica Dire Straits. O vocalista e guitarrista, Mark Knopfler chegou a ser considera um dos maiores gênios da guitarra devido ao solo da canção. Isso se deve, também, ao estilo até então inédito de solar que o músico tinha: sem o uso de palhetas e muito veloz. “Sultans of Swing” está presente no álbum homônimo do Dire Straits, lançado em 1978.

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

#Stevie Ray Vaughan – Stevie Ray Vaughan and Double Trouble

Blues também tem seu espaço no compilado do NM. A faixa “Texas Flood” faz parte do álbum de mesmo nome, gravado pelo guitarrista Stevie Ray Vaughan e a banda Double Trouble em 1983. Mesclando o rock ao blues, Ray Vaughan impressiona no solo da canção. No entanto, a faixa “Texas Flood” é original de 1958, tendo sido gravado pelo músico Larry Davis.

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

#Eddie Van Halen – Michael Jackson

Além do Van Halen, Eddie Van Halen levou sua habilidade com a guitarra para outras músicas e artistas. Ele pode ser considerado um dos responsáveis pelo sucesso do álbum mais vendido de todos os tempos, “Thriller” do Michael Jackson (com mais de 50 milhões de cópias), já que fez o inconfundível e marcante solo da canção “Beat It”. A música chegou a permanecer por boas semanas em primeiro lugar na Billboard Hot 100.

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

Não deixe de curtir a nossa página no Facebook, e acompanhar as novidades da Nação da Música.

João Pietro: Jornalista, gaúcho e admirador da música em todas as suas vertentes. Apaixonado pela cultura e suas diversas formas de se manifestar, entende que ela é transformadora. Não dispensa um café forte, imagina que se sai bem no improviso e valoriza as relações interpessoais. Também gosta de tocar violão, admira o amor e busca ser otimista.