Evanescence: vídeo de “Bring Me To Life” bate 1 bilhão de visualizações

evanescence
Foto: Divulgação
- ANUNCIE AQUI -
@nacaodamusica

O clipe de um dos maiores sucessos do Evanescence, “Bring Me To Life”, acabou de alcançar a marca de 1 bilhão de visualizações no Youtube, nesta terça-feira (01).

- ANUNCIE AQUI -
@nacaodamusica

A faixa conta com a parceria de Paul McVoy, do 12 Stones, e foi lançada no álbum de estreia do Evanescence, “Fallen”, de 2003. Ela também apareceu no soundtrack do filme O Demolidor, alcançou o 5º lugar na Billboard Hot 100 e ganhou o Grammy de Melhor Performance de Rock.

- ANUNCIE AQUI -

De acordo com a Blabbermouth, em publicação de março de 2021, Amy Lee não queria este fosse o primeiro single do disco e nem que tivesse um feat:

- ANUNCIE AQUI -

Eu era muito, muito contra ter qualquer vocal masculino em nossa música. Isso foi muito difícil. E foi uma ideia que veio da gravadora. E de repente tudo se tornou ‘Bring Me To Life’; eles decidiram que essa era a música. Na verdade, eu não achei que deveria ser o primeiro (single). Eu queria que fosse ‘Going Under’. Eles tiveram a ideia de ter algo lá que fosse familiar para os ouvintes para nos colocar na rádio. Eu realmente não entendi o que isso significava.

- ANUNCIE AQUI -

Já em outra entrevista, também publicada pela Blabbermounth, a cantora explicou que escreveu a música por causa do seu marido, quando ainda eram amigos, antes de se casarem:

Eu estava em um lugar difícil e em um relacionamento ruim. O meu atual marido , Josh, na época era apenas um amigo e uma pessoa que eu mal conhecia; era talvez a terceira ou quarta vez que nos encontrávamos. Entramos para pegar um lugar no restaurante enquanto nossos amigos estacionavam o carro. Nós sentamos um de frente para o outro e ele olhou para mim e disse: ‘Então, você está feliz?’

- ANUNCIE AQUI -

Amy explicou que esta pergunta a desconsertou e a inspirou para a composição: “Isso me pegou desprevenida e eu senti que perfurou o meu coração, porque eu senti que estava fingindo muito bem e era tipo alguém ver através de mim. Então todo aquele primeiro verso saiu disso ‘Como você pode ver nos meus olhos, como portas abertas’. Realmente me fez sentir e reconhecer a sensação de anseio que eu tinha de chegar a um lugar melhor. E isso meio que me colocou em uma jornada e é incrível como isso se tornou a música, a primeira música que nos colocou em cena e fez todos ouvirem sobre nós, porque era sobre algo – eu não sei – algo tão pessoal que eu estava reconhecendo em minha vida.

Com o feito, Evanescence, que lançou em 2021 o seu mais recente álbum “The Bitter Truth”, coloca o vídeo de “Bring Me To Life” ao lado de grandes obras como “Thunderstruck” do AC/DC, “Nothing Else Matters” do Metallica, “Numb” do Linkin Park, “Bohemian Rhapsody” do Queen e “Sweet Child O’ Mine” e “November Rain” do Guns N’ Roses. Assista ao clipe no player no final desta publicação.

- PUBLICIDADE -

Muito obrigado pela sua visita e por ler essa matéria! Compartilhe com seus amigos e pessoas que conheça que também curtam Evanescence, e acompanhe a Nação da Música através do Twitter, Google Notícias, Instagram, YouTube, Facebook e Spotify. Você também pode receber nossas atualizações diárias através do email - cadastre-se. Caso encontre algum erro de digitação ou informação, por favor nos avise clicando aqui.

Torcemos para que tudo esteja bem com você e sua família. Não se esqueça que a vacinação contra a COVID já está disponível em todo o Brasil. Aqueles que já receberam a 1ª e a 2ª dose, lembrem-se de tomar a dose complementar e mesmo após vacinação completa, é necessário seguir as medidas de cuidado necessárias para contermos o coronavírus. Cuide-se!

Inscreva-se no canal da Nação da Música no YouTube, e siga no Instagram e Twitter.

- ANUNCIE AQUI -
Estudante de Relações Publicas sempre vista com um livro na mão e o fone no ouvido.